Como tocar um cara lá

Como Tocar um Homem e Deixar Ele Viciado em Você #01 Sua Mandíbula. O símbolo mundial da masculinidade visível em um só lugar. Quando você toca ou morde a mandíbula de um cara, você subconscientemente reforça sua masculinidade, o que gera um grande impulso para o seu ego. Sabe aquela barba por fazer no queixo? Como Chamar um Cara para Sair por Mensagem. Marcar de sair com um cara por mensagem pode dar vergonha ou parecer intimidador. Para tudo dar certo, você precisa flertar com ele, convidá-lo para sair e depois se preparar para o encontro.... Dó Ré Mi Fá Sol Lá Si Então, basta seguir essa ordem nas teclas também. A próxima tecla branca depois do Dó, será um Ré. Depois, a próxima tecla branca depois do Ré, será um Mi. E assim por diante. Veja: No início, você pode fazer como fizemos aqui: achar a nota Dó e depois achar as demais notas a partir do Dó. Como Tocar o Violino. O violino é um dos instrumentos mais gratificante e bonitos de tocar. O caminho para a aprendizagem do violino é longo, mas com paciência, disciplina e entusiasmo, esses passos irão ajudá-lo a começar trilhar a... Me chamaram pra tocar num lugar na sexta passada, e como eu precisava do dinheiro furei minha quarentena e fui. Um conhecido meu (um cara que inicialmente era paciente da minha mãe, mas acabou fazendo amizade com ela) estava lá com o “colega de casa dele” que, a propósito, era lindo. (B) Testando a água para saber se um cara gosta de você: 1) Tente Touches Despretensiosa saber se um cara gosta de você. Deixe sua mão tocar o seu, você pode dar-lhe uma chance de 'acidentalmente' toque. Sobre a chance de que ele move-lo para fora do caminho imediatamente, então ele não pode ser interested- assistir a sua aparência ... Para você que sempre quis tocar um instrumento como o pandeiro, ou que gostaria de se beneficiar dos poderes da música ao tocar um instrumento. Conheça o que a ciência tem descoberto sobre os benefícios da música para nossa saúde mental, e alimente seu cérebro vindo para o lado de quem toca.

Eu queria ter um teclado, mas não tenho coragem pra pedir um de presente...

2020.09.19 00:42 gatupistoladu Eu queria ter um teclado, mas não tenho coragem pra pedir um de presente...

É isso, eu queria muito aprender a tocar mas, não tenho coragem pra pedir pra me darem um.
"Ah, por que não compra você mesmx então?"
Então, minha mãe tem aquela loucura de eu ter economizar dinheiro pra faculdade, então, é, não posso tirar do meu próprio dinheiro pra comprar kk.
Por que eu não tenho coragem? Cara, eu sou do tipo de pessoa que começa a gostar de algo, mas depois de um tempo deixa pra lá e bem, já tô mal na fita com esse tipo de coisa, mas eu sei que isso, eu nunca deixaria de lado porque, música sempre foi a minha paixão, cresci ouvindo playlists bem ecléticas, mas a minha admiração pelo piano, eu sinto como se fosse um segredo pras outras pessoas. E é esse o outro motivo de eu não ter coragem pra pedir pra ganhar um...
Pra você que tem um teclado ou piano, que bom, eu torço para que você goste de tocar e que nunca perca o gosto pelos teclados e pelo som maravilhoso que eles fazem...
Boa noite para todos vocês.
submitted by gatupistoladu to desabafos [link] [comments]


2020.09.16 05:50 Mittzera Fui a um psiquiatra

Tenho tido crises de ansiedade, sintomas depressivos e suicidas e a cada noite parece que piora a vontade de me enforcar.
Por isso fui aconselhado por um psicólogo a procurar um psiquiatra, cuja qual consegui ir hoje, acontece que eu não esperava receber remédios logo de cara e isso me deixou levemente animado, parecia que eu ia ver uma melhora significante, eu sei que remédios psiquiátricos não funcionam assim e que geralmente tem uma fase de adaptação de puro torpor, fadiga e outros efeitos colaterais ruins.
Acontece que tem duas horas que eu tomei os remédios e não senti nenhum efeito, parece que eu não tomei nada, e agora eu comecei a ter uma crise de ansiedade misturada com uma frustração absurda e vontade de engolir todos os remédios de uma vez pra ver se eu consigo pelo menos afogar esse sentimento merda e dormir um pouco, sinceramente eu tô me sentindo tão merda que eu não sei o que fazer.
Hoje foi um dia tão escroto, eu passei tanto tempo sozinho, tanto tempo pensando nas merdas que eu ouvi ontem e eu sinto que cada dia que passa mais eu perco o medo de morrer e mais a vontade de morrer aumenta, eu já não sei se eu ligo pras consequências de um suicídio, eu não sei o que tá acontecendo, eu me sinto tão descartável, sinto que as pessoas estão próximas de mim por pena, eu sinto que minha namorada ainda tá comigo por pura pena, ou com medo de que eu me mate e as pessoas culpem ela por ter terminado comigo.
E é foda, porque ela é tudo o que resta de bom na minha vida, eu sinto que eu perdi tudo o que eu tinha, eu não tenho mais vontade de jogar, eu não tenho mais vontade de tocar Guitarra, tô me forçando a assistir uma série só pra não ficar com a cabeça vazia, e estar com a minha namorada pode não curar tudo, mas alivia tanto a minha dor, tanto, que eu não sei se eu sobreviveria sem ela, e cada momento que passa mais parece que ela só tá aqui comigo por medo, parece que ela sente pena de mim e esse sentimento tem me corroído tanto que eu sinto que minha cabeça vai entrar em colapso a qualquer segundo.
Eu tenho tido ataques de raiva comigo mesmo e me mutilado, tenho me cortado, eu bato na parede até a dor na minha mão afogar a dor que eu sinto no peito. Eu nunca encostei um dedo na minha namorada que fosse pra machucar ela, eu morreria se eu machucasse ela desse jeito, mas ouvir dela que ela tem medo que eu bata nela me dá um sentimento de falha, sabe? Como se eu tivesse falhado na minha única missão nesse mundo que era fazer ela se sentir segura e feliz, e eu não estou consigo realizar nenhum dos dois...
Eu não aguento mais, a dor no meu peito é tão forte, parece que tem uma âncora apoiada em mim, me impedindo de levantar e sei lá, eu só queria que meu coração parasse de bater, mas tá batendo tão forte que parece uma máquina, minha cabeça parece que vai explodir de tanta dor.
Eu não consigo lidar com a ideia de estar só, eu não consigo lidar com o fato de que eu perdi tudo na minha vida, eu não consigo suportar a dor que eu tô sentindo e eu acho que dessa noite eu não passo.
Obrigado a quem leu até aqui, eu sei que é um monte de merda, mas se vocês soubessem o esforço que eu fiz pra desabafar...
submitted by Mittzera to desabafos [link] [comments]


2020.09.14 06:09 _JoTamSoAreS Homens, parem com a pornografia. Se não for pelo ideológico, que seja pelo psicológico.

Estou escrevendo esse relatinho (ou seria um relatão?) sobre como o vício em pornografia que tive atrapalha meu desempenho sexual até hoje. Se eu pudesse, proibia essa merda. Ninguém merece não conseguir transar por culpa de xvideos.
Obs: caso esteja de saco cheio do textão ou não queria saber dele, vá direto para a conclusão no antepenúltimo parágrafo.

Eu (homem hétero) assisti pornô por um bom tempo da minha vida (arredondemos de desde dos 12/13 até os 17/18) de forma bem intensa e sempre acompanhado de masturbação.
Quando mais novo, lá pelos 12/14 anos eu era um taradinho, ficava com ereção por qualquer coisa, desde ver alguém com pouca roupa na novela até abraçar as amigas na escola. Mas a partir dos 15/16 anos toda essa ereção e energia em mim foi sumindo, eu praticamente não ficava mais de pau duro sem ser com um pornozão na minha frente.
Ainda virgem, com 16 anos, comecei a ficar com uma menina e ela nunca conseguiu me deixar de pau duro... Já aconteceu de termos entrado em banheiro de festa pra se pegar, aconteceu de também termos entrado em quarto sozinho pra se pegar e nada. Eu comecei a ficar preocupado: um, por eu querer perder logo a virgindade e estar perdendo chances; dois, por ter ido de 80 a 8 em termos de excitação. Conclusão, paramos de ficar e continuei virgem. Comecei a ficar inseguro em relação a minha capacidade ou não de ter ereção na vida real (fora do pornô).
Na viagem de formatura da escola ocorreu de eu conseguir ir para o quarto com uma menina, tentamos transar mas eu não consegui... coloquei culpa no álcool (realmente eu estava bêbado, mas no fundo eu sabia que mesmo sóbrio a história seria a mesma).
Aos 17 aconteceu de eu conseguir perder a virgindade com uma menina que conseguiu me deixar duro e etc. Mas mesmo assim, essa falta de ereção natural foi me preocupando e virando insegurança - lembrando que eu seguia assistindo e me masturbando com o pornô, com ele eu conseguia alcançar a ereção máxima (o que mostrava que não era um problema fisiológico, era psicológico). Sempre nas festinhas da época de escola quando eu ia beijar alguma menina eu me sentia envergonhado e frouxo (desculpem-me se estou sendo machista ou qualquer outra coisa, mas eu me sentia assim por não conseguir mostrar que eu estava gostando, simbolicamente representado pela ereção. Eu me sentia um morto um saco vazio, uma coisa passiva) de não ficar duro durante a pegação, pior era quando elas tentavam colocar a mão lá e nada encontravam... Enquanto isso, eu via meus amigos levando gente para o banheiro para usar o que deles funcionava.
Terminando a escola e indo para o cursinho, eu tinha transado apenas com duas pessoas, mas já tinha perdido e viria a perder mais algumas chances. Contando agora de cabeça, eu consegui perder a chance de ter transado com 4 meninas até agora em toda minha vida por conta de eu não ter conseguido ficar duro. Isso me dá insegurança e eu tenho certeza que foi por conta do pornô, porque enquanto isso eu seguia ficando durasso assistindo. Aproveitei a época de cursinho para tentar parar mas não consegui totalmente, é um vício.
Nessa época também eu fui atrás de um urologista. Aproveitando a primeira vez passando com um desses médicos (todos que tiverem a oportunidade, vão (não sei se esse é o imperativo de ir, desculpe) pelo menos uma vez) eu comentei sobre esse meu probleminha. O doutor depois de me examinar disse que eu era totalmente saudável e falou para eu tomar cuidado com o psicológico e me deu umas dicas para a hora do 'vamo ver': de não ficar pensando muito na hora etc. Eu não comentei meu vício em pornografia por vergonha.
Entrando esse ano na faculdade a insegurança e o medo de seguir não conseguindo ficar duro quando precisa, me deixou ansioso. Antes, eu dificultava bastante chegar na hora do sexo quando eu ficava com alguém, e fiquei com medo de agora na faculdade seguir broxando e ficar com algum apelido ou ser zoado mesmo. Porém, mesmo com quarentena (estou morando com mais um amigo em um prédio cheio de gente da mesma faculdade) eu consegui transar. No meio daquela carência de confinamento, consegui um contatinho do prédio, ela veio em casa, ficamos e eu broxei outra vez. Eu procuro não desesperar ou desabar quando as coisas dão merda ou sempre dão merda. Procuro manter a calma, mas eu broxei outra vez. Eu fiquei em dúvida se ela iria querer vir outra vez ou se eu falava desse meu 'problema' pra ela (vai que ela ficasse sentida e me ajudasse dando outra chance, ou tendo mais calma comigo na hora), foi o que fiz. Comentei com ela que isso acontecia regularmente e pedi pra ela me ajudar (começo de intimidade/cara de pau). Resumidamente: ela disse que iria me ajudar (uma fofa) e foi de novo em casa e conseguimos (uma preliminar bem feita é tudo) ela me deixou bem duro, já que se fosse a clássica meia bomba não iria dar, ela é muito apertada.
Ao mesmo tempo, eu consegui ir pra cama com outra menina do prédio (sim, a quarentena não tá sendo de cada AP, tá sendo do prédio inteiro junto). Mesmo bêbado ela conseguiu me deixar meia bomba (bem meia) e a penetração rolou (importância da preliminaela não era tão apertada como a anterior). Aconteceu outra vez com essa segunda menina, não sei como ela quis uma segunda vez com um cara praticamente broxa (fica a dica para os amigos com o mesmo problema: compensem em outras coisas).
Toda essa história foi para: o pornô fudeu o jeito que meu corpo interpreta a excitação. Eu consigo ficar excitado, me sinto excitado, mas eu não consigo externar isso como alguém do sexo masculino faz, ficando com ereção. Foram pouquíssimos sexos na minha vida que eu fiz estando com uma ereção forte, assim como aquela que eu ficava na frente do computador. Eu diminui drasticamente a quantidade de pornô na minha vida e está praticamente zero. Masturbação apenas com o pensamento como ajuda. Não se viciem nisso, vocês vão ficar dependente do pornô para ter um prazer de verdade. Nenhum pornô, assistir nenhuma atriz numa tela, gostosa que seja, é melhor do que tocar o corpo de uma mulher, ser tocado por ela e ouvir o prazer que você consegue dar.
Sigo tentando vencer esse problema (que claramente é psicológico) cortar o pornô é um passo e tanto.
Irmãos, tomem cuidado com isso. É algo realmente tóxico e dá sequela.
Fiquem bem.
submitted by _JoTamSoAreS to sexualidade [link] [comments]


2020.09.12 14:53 Cringezinha O cara bonito do show (update) e as tristezas da quarentena

Há mais ou menos uma semana eu publiquei esse desabafo contando que conheci um rapaz muito interessante quando fui tocar em um lugar ( https://www.reddit.com/desabafos/comments/ip4n9f/conheci_um_cara_lindo_e_agora/?utm_source=share&utm_medium=ios_app&utm_name=iossmf ). Então, minha amiga Cristina acabou ficando com o colega com quem ele divide a casa e, depois de visitá-los ela veio me contar o desfecho da história.
Quando a Cristina chegou na casa e se sentou do lado de fora ela ouviu uma voz de mulher muito parecida com a minha e ficou surpresa achando que eu estava lá. Depois de um tempo que ela estava lá, o rapaz por quem eu tinha me interessado saiu de dentro da casa com uma menina que a Cristina descreveu como absurdamente parecida comigo tanto em aparência quanto no jeito (isso, de alguma forma, também me incomoda bastante). No começo não entendi direito, porque só encontrei pessoas tão parecidas comigo uma ou duas vezes na vida, mas de repente tudo fez sentido.
Não sei porque, mas me bate uma certa melancolia ao pensar nisso. Sempre gostei de conhecer pessoas novas e me cercar de gente, mas não tenho visto muitas pessoas conhecidas desde o início da quarentena. Prefiro pensar que a ideia de conhecer alguém, de ter com quem compartilhar algo depois de todo esse tempo, me deslumbrou, e que a queda dessas ilusões deixa a gente um pouco triste mesmo.
Também devo ter depositado muita expectativa nisso, mesmo sem ter ficado esperando algo de fato. Alguma coisa dentro de mim dizia que dessa vez era diferente, mas foi apenas mais um desencontro.
E o pior é que eu tenho essa impressão desde sempre, de que eu nunca serei capaz de estabelecer uma conexão maior com alguém no sentido romântico da coisa mesmo. Parece que toda vez que eu realmente tenho alguma sintonia com a pessoa algo dá errado antes mesmo de começar a dar certo, e quando estou com alguém com quem não tenho essa ligação é como se eu simplesmente não estivesse lá ou não ligasse.
Bom, acho que estou pensando isso porque já faz muito tempo desde a última vez que tive uma pessoa realmente próxima de mim, e mais tempo ainda que eu não me envolvo com ninguém romanticamente.
Isso é um “processo” pra mim? Aparentemente nunca saberemos, mas não posso negar que me incomoda mais do que deveria.
submitted by Cringezinha to desabafos [link] [comments]


2020.09.10 15:57 henrylore Najiyu Ep 4 - Bem vindos! A resistência...

Ne: hm?
a-ah! oi, eu-eu não sabia que você tava acordado....
*coloca o violão pro lado
eu te acordei..?
H: não, eu na verdade acordei por acaso, a luz da lua tá muito forte e tals... o que você tá fazendo
Ne: lendas dizem que se chama relaxar
é uma das coisas mais preciosas que os deuses já inventaram para nós, seres vivos hauheheuee
H: hehe... ta tocando violão?
Ne: eu? n-não você deve ter ouvido coisas e tal...
(๑•﹏•)
H: *sobe a escada por completo e vai em direção a ela
o que é isso aí então?
Ne: tá.. eu tava tocando violão...
H: *senta do lado dela
você que fez?
Ne: na verdade não, eu ganhei em uma vila muito fofa, onde tava tendo festival da música... tiveram diversas confraternizações... e me deram esse aqui
H: conte mais
Ne: tinha um garotinho se apresentando, ele era muito legal
e então ele resolveu tentar arrecadar dinheiro com isso, as músicas dele eram muito fofas
e eu não consegui, e dei um dinheirinho pra ele...
daí ele me deu esse violão
H: e ele perdeu o violão então?
Ne: que nada, ele tem uma coleção deles, assim como outras pessoas tem diversos instrumentos lá
...ou tinham
H: tinham?
Ne: a vila foi fechada devido a invasões, se refugiaram aí pra um lugar que eu não sei
H: se refugiaram?
Ne: alguém chamado may e tals
apareceu lá e ajudou eles
H: isso foi fofo da parte dela.... ou dele
né?
Ne: foi sim mas eu queria agradecer aquele garotinho pelo violão... foi muito fofo da parte dele sendo que eu nem sabia tocar isso naquela época
H: mas foi do nada assim?
Ne: eu ia lá todo dia e ele tava lá, e eu sempre dava uma quantia específica pra ele, até que ele me disse que queria retribuir
eu fiquei mal pq ele disse que tava meio sem rumo graças a umas pessoas aí
talvez a gente se encontre de novo, eu não sei
dês de que tudo aconteceu não tem mais sentido ficar vagando por aí
H: o que?
Ne: meh, nao to afim de ficar falando bobagem pra você sentir pena de mim
eu quero que você me veja como a fodona
H: ta mais pra a fofona não?
Ne: *dá um peteleco na cabeça do Henry
H: você lembra do nome do menino?
Ne: hmmmm, não
H: •-•
a bom
Ne: esperava que eu fosse lembrar? hahahahah
você é engraçado
H: eu sou eu ué
Ne: hehehe
*olha pro bolso do Henry e vê um pedaço da foto
ei *puxa foto do bolso
onde conseguiu isso?
H: ah- eu- tava olhando ali e achei e quando- eu achei- eu peguei-
pq eu ouvi o violão e não consegui pensar...
Ne: tudo bem, mas não roube coisas dos outros, não é legal.
H: ...
quem é ela?
Ne: quem é quem
H: ela *puxa foto e aponta pra menina raposa do lado da nevaska
Ne: ...
*fica encarando a foto
a resistência... funciona em grupos e nós duas tínhamos um grupo a gente era líder dele
só que o nosso grupo era declarado um dos mais poderosos de toda a resistência, então as missões mais difíceis eram entregues a nós, então grande parte do grupo morreu depois de um tempo
H: ai...
Ne: mas nós duas éramos tudo, a gente lutava junta a gente era premiada junta
eu amava ela demais
até que....
H: que...?
Ne: a gente descobriu atividades com o selo que tá prendendo as entidades malignas que afrontaram Naji a 14 anos atrás
e então a gente foi abrir
*começa a chorar um pouquinho
e ela foi levada por algo que até hoje eu não sei o que é
H: ...
poxa...
Ne: a sua cor me lembra muito ela
e o seu jeito é o mesmo dela...
eu achei isso curioso
*olha pro Henry com um sorriso e lágrimas nos olhos
H: ...
Ne: é por isso que eu ainda vago talvez pra encontrar ela
mas sozinha...
H: *bota a mão no ombro dela
você não tá sozinha
a gente tá aqui por você né?
;)
Ne: ... :(
:
:)
brigada heri
H: nao é nada heehe
Nevaska, toca uma música aí
Ne: ei *coloca a foto do lado
pode me chamar de neva
*pega o violão
{detalhe: ela tá sem as luvas}
começa a tocar: *beabadobee - coffee
L: *ouve isso
*olha pro lado
hmph o cara foi cortar...
*volta a dormir
**no dia seguinte
Ne: MINUTOS! SAO MINUTOS QUE PERDEMOS MAS QUE NAO PODEMOS PERDER ENTAO VAMOS!
bom dia gente como vcs tão
H: a
bodia
L: Olá.
eu estou bem.
Ne: levantem, eu vou tá esperando lá fora, a gente vai pra um lugar especial
L: iiih, aí. ferrou...
H: Vish
**um tempo depois
**eles caminhando
Ne: então, a gente tem que ir pra um lugar chamado Nira, e lá a gente vai encontrar o qye a gente quer
L: Nira nao é uma vila em Naji?
Ne: sim
H: e lá vai ter?
Ne: uma mini base secreta de você sabe quem, lá a gente pode ter mais informações sobre oq fazer
**chegando lá eles conseguem até ouvir aquela melodia medieval de violinos legais
H: woooow
é uma baita duma vila
Ne: éé meu amigo, as vilas que vieram do reino não são moleza não eles são beeem burgueses, sabe?
H: hmmmm
Ne: *entra num bar
H: boa tarde famiiilia
Ne: *chega no barman e fala
eai, eu vou querer aquela bebida lá, schnitzel, sabe?
L: schnitzel nao é uma comida?
H: shhhh
Barman: ah sim claro, mas eu acho que você vai ter que me ajudar a procurar..
Ne: meninos, venham comigo
Ne, H e L: *entram no lugar lá do Batman
H: caraaaaca quanta bebida
Barman: Nevaska, quanto tempo!
quem são esses?
Ne: são integrantes novos da ordem
pode deixar a gente entrar
BM: sempre né
*puxa uma bebida que na verdade era uma alavanca e abre uma porta
tenham um bom dia
H: valeu
L: boa noite
BM: olha estranho pro Lusk
...
mas tá de dia né?
**eles descem e passam por uma porta aberta que sai de dentro de uma parede e que dá em uma vila meio vale escondida no meio de várias rochas
L: woooooow isso sim é delicioso
H: caraaaaca
Ne: *barulho de canudo
H: ?? Neva onde q vc conseguiu isso aí
Ne: *bebendo suquinho naqueles copos com canudo
ah, eu roubei do barman
tô mó com sede
??¹: EAI NEVASKA!!! QUANTO TEMPO
*da um tapão no ombro dela
QUE BOM QUR VOCE VOLTOU
Ne: aaaaa oiiiiii
H: quem é esse cara lusk
L: eu nao sei
??¹: *quase esmagando a Nevaska de abraço
AAAA
Ne: ah, gente!
*solta do abraço
esse aqui é o Arthur(não é o Art), ele é um dos membros da equipe de vigilância da resistência
a gente é amigo dês de que ele chegou aqui
Ar: Olá. *faz um paz e amor
L: bonito bonito, como vai a sua mãe?
Ar: ah ela vai bem cara, encontrei com ela ontem e tals
*olha pro Henry quieto
E VOCE VOCE É UMA RAPOSA???
H: hmmm... sim?
Ar: CARAAAACA QUE INCRIVEL
NEM SEMPRE TEMOS RAPOSAS AQUI SABIA?
VOCE CHEGAR AQUI É TAK LEGAL
*abraça o Henry
H: *sente o calor do corpo do cara como se ele tivesse ha 6 horas no sol
Ne: *bota mão no braço do arthur

Ar: *solta abraço
hm?
Ne: sabe onde tá o shi?
Ar: lá dentro, xingando todo mundo como de costume
Ne: meeeh que bosta hein
fica bem Arthur, a gente tá indo
*bebe mais um pouquinho do suco
Ar: falow falow, até logo
H: cara simpatico
Ne: ele é, as pessoas daqui normalmente são legais
L: normalmente?
Ne: tem gente aqui que age como se tivesse morrido ontem, e infelizmente é quem a gente tem que encontrar
??²: OOOOO NEVASKA!!!
*da um soquinho na cabeça dela
Ne: Winry?
Wi: muito tempo né?
Ne: eu não venho aqui faz um tempo...
gente, essa é a Winry, ela é da equipe de exploração e ela controla a água
ela é super rápida e super incrível
*bebe mais um pouco do suco
Wi: *dá um tapão nas costas da nevaska
AH QHE ISSO
Ne: *cospe o suco todo
o shi ta dentro do quartel?
Wi: sim.
{percebe-se que elas falam MT sério qnd se trata desse cara ai}
H: ....
**eles sobem numa escadinha que da pra uma árvore e lá eles encontram um escritório cheio de armas e uma cadeira virada
Ne: shibaru?
**vem uma faca voando
Ne: *segura
de novo?
Sh: *vira a cadeira
não vem a três anos, o que você quer agora?
Ne: temos novos membros, pode registrar eles?
Sh: nem se os porcos voarem
Ne: que? como assim não
Sh: você não pode voltar depois de tanto tempo com duas pessoas aleatórias querendo enfiar ela na nossa associação
Ne: como assim, quando eu tava aqui não era assim
Sh: porque você era líder talvez?
Ne: e quando eu saio você muda tudo?
Sh: olha só, respeito e calma são a chave para o universo
então trate de aderir *levanta
{Shibaru tem o cabelo azul escuro usa uma jaqueta preta com uma blusa branca e uma calça jeans e ele é BEM ALTO MESMO deve ter uns 1,80}
Sh: *vai em direção da nevaska
pra sua sorte nos temos missões para vocês e se conseguirem resolver
talvez eu reabra o seu grupinho
Ne: que missão então
Sh: suspeito e tenho quase certeza de que o pessoal do templo da areia tá envolvido com a morte de alguns dragões por la, talvez eles estejam usando algo pra matar eles tendo em vista que um dragão não ia morrer pro elemento areia ou parecido
Ne: °-°
você acha que é um?
Sh: anel...
H: anel?
L: anel?
Ne: ...
Sh: não falou pra eles, Nevaska?
hmmm bem
anéis que carregam ambars com poderes dos antigos guardiões de cada elemento
os guardiões eram aqueles que ensinavam os elementos pros guerreiros qud passaram de geração em geração
Ne: mas aí a ambição subiu a cabeça e mataram os guardiões pra roubarem a sabedoria e o poder
Sh: exato.
recuperar esse poder e talvez restaurar os guardiões seria um dos objetivos da resistência
então, estamos aí pra tudo
Ne: ultimamente esses casos de dragões mortos têm acontecido pra cacete e a gente não sabe o porquê
Sh: poder.
Ne: hm?
Sh: poder.
H: poder?
L: ~FODER?~
Sh: poder é algo que muitas pessoas querem hoje em dia
já que tudo leva a isso
H: como assim
Ne: é oq eu já te disse, o reino manda na gente com poder, e pra revidar a gente precisa de mais poder
então todo mundo aqui procura poder
Sh: menos nos, a gente procura justiça
H: ....
Sh: mas é, se vocês fizerem a missão e recuperarem o anel eu dou o distintivo
Ne: vem com a gente?
Sh: nao, EU tenho coisa mais úteis pra fazer.
eu vou ao palácio do mar
Ne: fazer o que lá
Sh: essa missão em específico vocês não precisam saber.
H: °°
L: ue...
Ne: 😪 complicado
Sh: se me dão licença *abre a porta e sai
H: ... e agora?
Ne: *procurando umas coisas
é, não tá aqui
vamos pro ferreiro
*abre a porta e sai
H e L: ferreiro?
**chegando lá
Ne: *abre a porta que toca um sininho
??³: *olha pra trás {é um cara de cabelo e barba preta, super gigante com uma roupa de couro e uma calça}
OOOOO NEVASKA
Ne: eai ferreiro
??³: Oooo quanto tempo
H: ola... ferreiro né?
Sa: meu nome é Sakiro mas pode me chamar de saki
H: saki... legal
L: SAMUEL?
Sa: nao, saki.
Ne: a gente pode entrar aí e escolher algumas armas?
no caso eles né
a gente vai numa missão agora e-
Sa: OOOOO MAS POR QUE NAO PEDIU ANTES?
entra aí
H: woooooow
L: quanta coisa
Ne: escolham qualquer uma
H: *vê uma espada 3 vezes maior q ele
essa não
*vê uma adaga
essa também não
**enquanto ele tá mexendo cai uma espada na cabeça dele
AI u-ue
*olha pra espada e vê o reflexo do próprio rosto nela e no cabo de ouro
{pensa numa espada de pirata, é isso aí}
H: BELEZA EU VOU PEGAR ESSA AQHI
L: *pensando
Ne: eai, não vai escolher não?
L: EU TO PENSANDO Ô TIA
*vê uma espada que chega perto de ser uma ninjato mas não é (é tipo a espada do kazuma)
eu acho que... não. espada é coisa de político.
tem um arco não?
Ne: tem esse aqui *pega um arco bolado horizontal digno de um legolas
L: OOOO ISSO É MELHOR QUE A LEGISLAÇÃO DA INDONÉSIA
Ne: então tá decidido! aqui, ferreiro, são essas
Sa: *pega as espada do Henry e remenda ela e tal
*troca a corda do arco
prontinho, tá aqui suas armas
H: OOO GG
L: MULEEEQUE
Ne: hehehe agora vamos!
**saem da loja
Ne: antes da gente ir, tem algo que eu tenho que mostrar a vocês...
*vai em frente a uma parede
*tira uma das luvas e lambe o próprio dedo
*põe o dedo na parede e a parede começa a abrir
**se revela um grande estádio dentro de uma caverna
H: OOOOO
L: OOoo
Ne: a gente tem que treinar, vocês são meio toscos ainda
SEJAM BEM VINDOS!!! A Teikō
a arena de treinamento da resistência!
H: !!!
L: woooooow
Ne: vocês nunca lutaram de verdade né
**se posicionam a Nevaska de um lado e o Henry e o lusk de outro
Ne: AGORA EU VOU TREINAR VOCÊS DE VERDADE CARAMBA
*a voz dela ecoa
H: AI SIM
L: finalmente serei treinado..
Ne: PRIMEIRO, HENRY
H: oi
Ne: toma cuidado com a sua cauda, raposas são extremamente sensíveis aí, e isso é a nossa fraqueza
ENTÃO NAO DEIXA ACERTAREM AÍ
L: é, realmente, acertar lá atrás seria desinteressante.
Ne: E LUSK VOCE LUTA MUITO BEM
MAS PROCURA FOCAR NO SEU ELEMENTO
L: BELEZA
H: então o que faremos?
Ne: a gente vai descobrir o seu elemento
H: MEU?
Ne: E EU VOU ACABAR COM A RAÇA DE VOCÊS QUERO NEM SABER
*estende as duas mãos e forma a lança de gelo de novo
*começa a girar ela
*para de girar e bate com ela no chão criando um pouco de gelo em volta de si mesmo
*cria um casulo de gelo em volta de si mesma
PRIMEIRA COISA, VCS VAO TER Q ME ACERTAR AQUI
H: ...
L: ...moleza
*faz uma bola de ar
ESFERA DO REDEMOINHO
*joga bola no casulo de gelo que bate mas não causa efeito
H: puts queridão acho q sua bala de ar comprimido não deu muito certo
L: CALA A BOCA TA LEGAL? EU TENTEI PELO MENOS
H: *corre pra cima do casulo e acerta com a espada
*tenta fincar ela
Ne: *faz espinhos de gelo em volta do casulo e joga o Henry pra longe
H: hmmmm *olha o casulo se quebrando quando ela faz isso
°°
LUSK
o casulo fica fraco quando ataca
L: hmmmm...
H: se liga
*finca espada no chão
*sai correndo pra dar um soco no casulo
Ne: *faz os espinhos de novo
H: *troca de lugar com a espada que acerta e racha o casulo
L: gg mas agora você perdeu sua espada né mané
H: VOCE TEM UM FUCKING ARCO ACERTA AQUILO ALI
L: acertar é comigo mesmo
*mira certinho e lança a flecha mas ele erra
H: CACETE VOCE QUER UM OCULOS
to vendo que não vai dar certo fazer isso
faz outro redemoinho de não sei o que lá aí
L: se chama... ESFERA DO REDEMOINHO
*joga a esfera na rachadura que estoura o casulo e da uma grande ventania
Ne: hmmmm beleza
H: hm?
L: •~•
Ne: nada mal, foi mais rápido do que eu pensava...
mas vocês não tão num talk show então não é bom ficar conversando alto
*estende a mão e prende os pés do lusk com gelo
H: *vai pra cima da nevaska e ataca com a espada
Ne: *defende com a lança e chuta o Henry pra longe
*coloca a mão do lado da boca e cria uma bola de neve
BOLA DE NEVE
*lança no Henry
H: *desvia da bola de neve q bate na parede ali
eu nunca pensei que lutar seria tão maneiro
Ne: *olha diretamente pro Henry
hehe..
agora se prepara pro
L: AAAA SUA MALDITA
*atira uma flecha nela
Ne: *cria uma parede de gelo que para a flecha
L: oh
Ne: *vai pra cima do lusk que já tá solto
sabe qual a desvantagem de ter uma arma de longo alcance?
É QUE VOCE NAO ATACA DE PERTO
*acerta uma lançada na cara dele que joga ele pra longe
L: maldita cabeçuda
*junta as mãos
TORNADO BOLADO
H: é cada nome
L: *joga a Nevaska longe
Ne: Henry, tem uma coisa que eu quero te ensinar
*faz uma bola de neve
H: o que?
Ne: REBATE ISSO AQUI
*joga no Henry
H: O QUE
*leva uma bolada muito forte de neve no estômago e cai no chão
ai
Ne: peguei pesado?
H: *levanta VICE NEM ME FALA COMO QUE REFLETE COMO É QUE EU VOU SABER
L: O SEU COLCHONETE
Ne: aiaiai
HENRY
H: oi
Ne: direciona a sua mana pra espada
*estende a lança e faz o mesmo
*fecha os olhos
assim que você faz isso, a mana é como um espelho que reflete mínimas partículas de luz fazendo você ver a sua própria cara
é mais ou menos isso
mas concentrando com velocidade
você reflete o ataque e ele se torna seu
pensa num espelho
*olha pra lança e o reflexo dela mesma na ponta feita de gelo
H: como um espelho?
Ne: *lança outra bola de neve nele
H: espelho...
*consegue sentir a mana fluindo na lâmina
*e então quando chega o ataque ele sente a velocidade e vai com tudo direcionando o ataque de volta como se fosse ele concentrando a mana na espada
REFLEXO DE LUZ
Ne: *desvia
**bola de neve explode atrás dela
é isso, uma habilidade exclusiva das raposas
H: wooooah
L: E EU?
Ne: ei lusk, foca mais em um só ataque, depois você pensa nos outros
eu gostei muito dessa sua bolinha
H: a bola de gude arejada?
L: É ESFERA DO REDEMOINHO SEU HERBÍVORO
mas então...
*faz a esfera na mão
DEPENDENDO ELA FICA MUITO MAIS FORTE
*concsntra todas as energias nela e faz uma super bola maciça na mão
pesado
*lança ela bem rápido na direção da nevaska
Ne: *DESVIA MUITO POR POUCO
QUALÉ MANÉ TA TENTANDO ME MATAR
L: nao era esse o objetivo
Ne: CLARO QUE NÃO
a enfim, eu acho que tá tudo bem por agora
*bate a lança no chão e quebra ela
VAMOS NESSA PESSOAL
**chegam na porta de um caminho de árvores
{la tem um monte de cavalo preso, e olhando tem vários mapas e plaquinhas mostrando onde tão as vilas}
Ar: *segura ombro da nevaska
nevaska, você acha que vai ficar tudo bem com eles?
Ne: sim, eu confio neles
você não?
Ar: eu nunca disse nada
[obs: quando o Art aparecer a sigla dele ou vai ser AT ou ART mesmo]
Ne: eu tenho que ir
*puxa um cavalo
H: um cavalo só?
L: ele aguenta?
Ne: eu e henry valemos por 0,5 pessoa e o lusk por 0,8
L: como você calculou isso?
Ne: eu não calculei
L: porra.
**sobe Nevaska na frente, Henry no meio, e lusk atrás
(o cavalo nem sequer se mexe, parece a coisa mais fácil do mundo levar esses 3)
Ne: viu?
L: meu deus quantos quilos vocês tem?
Ne: vamos!
*faz um movimento lá e o cavalo começa a andar pra longe
Ar: *olhando
Wi: *encosta no Arthur
Arthur eu encontrei algo estranho...
Ar: o que houve
Wi: no quarto do shibaru... ele deixou umas anotações...
*mostra pro Arthur
Ar: *lê
*vê desenhos de um cristal da água e um guardião
guardioes de agua?
Wi: *vira página pra ele
Ar: ... *lê
Hoje eu ------(folha arrancada)
e me inflitrar na ordem ---------
roubar um certo alguém
Ar: você acha que?
Wi: sim.
Ar: vamos investigar isso
*saem correndo em direção a casa principal
...
No próximo episódio
NAJIYU EP 5
Escrituras de uma antiga pirâmide de espelhos...
🖤
submitted by henrylore to Najiyu [link] [comments]


2020.09.10 15:54 henrylore Najiyu Ep 3 - Nevaska, a ninja raposa do gelo!

??⁰: você não tem jeito...
*vai pra cima da nevaska
*tenta dar um soco nela
Ne: *segura o soco e olha pra cara dele com uma carinha tipo 😶
poxa, é isso?
??⁰: eu já te avisei pra não ficar tirando sarro...
*se joga pra trás e começa a rolar
AGORA VOCE SE VERA COMIGO
*vira uma roda tipo a do junkrat tlgd
H: EITA
Ne: *junta as mãos
PAREDE DE GELO
*levanta uma parede de gelo (darr)
??⁰: *bate na parede de gelo e racha ela
*depois de um tempinho quebra a parede de gelo
L: a sua parede aí não foi muito efetiva não hein
??⁰: *chega na frente da nevaska prestes a atropelar ela
Ne: *prepara e dá um soco na cara dele que você não sabe como ela acertou ele girando
??⁰: *vai pra trás
Ne: eu sinceramente não sei por que um ladrãozinho tá querendo bater em mim
??⁰: vocês são parte dos cavaleiros, vocês também querem a dominância pra vocês
Ne: você não tem cara de saber muito sobre a resistência
L: residência?
H: Denis?
??⁰: pode não parecer, mas por mais que vocês sejam neutros em relação a nós, facções distintas que querem reinar as terras, não vamos deixar com que vocês derrotem a atual monarquia, CASO CONTRÁRIO O REINO VAI SER DE VOCÊS
então vocês são inimigos também.
Ne: resumindo em palavras menos bonitas, vocês querem ter o gostinho de descer o cacete na mulher lá
??⁰: olha como você fala comigo
Ne: não tem como eu olhar como eu falo, o certo seria ouvir, não?
??⁰: GRRRRR CALE A BOCAA *soca o chão e faz um buraco em volta de si mesmo
H: ei-
Ne: shhh, assiste
??⁰: *coloca o dedo do lado da boca e puxa o ar
BOLA DE FOGO
*atira uma bola de fogo na Nevaska
Ne: *fecha os olhos e estende a mão pro lado
H: ??
L: o que
Ne: *começa a se fazer uma lança de gelo na mão dela (tipo a da pearl de Steven universe)
*segura ela e prepara um ataque
REFLEXO DE LUZZZZZ
*reflete o ataque MUITO RÁPIDO MESMO
*E ELE BATE COM TUDO NA BARRIGA DO CARA E JOGA ELE PRA LONGE NUMA VELOCIDSDE INIMAGINÁVEL
*enquanto isso tudo ela deixa cair uma coisa que parece ser um distintivo de ouro
L: *percebe o distintivo
Ne: ...
ele foi mimir
*aponta pro cara com o polegar
H: ...
Ne: vocês tão bem?
*chega perto
L: *levanta sozinho
quem é tu??
Ne: *estende a mão pro Henry levantar
meu nome é Nevaska, eu sou uma ninja do gelo
L: só isso?
Ne: é ué
L: nao tem mais nada não
Ne: não?
L: hmmmmmmmm....
H: *segura na mão dela e levanta
você é uma raposa?
Ne: sim.. eu espero pelo menos
pelo visto você também é uma
*lança na mão dela começa a se quebrar e derreter
é legal, faz um tempo que eu não vejo raposas por aqui
H: *analisa ela
{Nevaska
Nevaska tem os olhos azuis um pouco escuros, um cabelo branco com uma presilha azul escura também uma blusa de manga comprida cinza com luvas longas pretas uma calça preta e uma bota cor gelo de couro ela usa um sobretudo cinza também que ela deixa ele meio enrolado pra trás e fica parecendo só uma manta mesmo ela também tem uma mochila}
H: você tava viajando por aqui?
Ne: na verdade sim, eu tava de passagem quando esse mano aí me parou por motivo nenhum
L: EU não tô convencido disso
Ne e H: ?
Ne: o que foi o que eu fiz pra você
L: o cara mencionou algo sobre resistência, ordem.
e você respondeu exatamente sabendo o que era, não foi?
então você sabe de algo que a gente não sabe?
Ne: carai mas pra vocês não saberem da ordem você tem que ser muito burros mesmo né
pfffft eu não faço parte disso aí não, metade desses caras acham isso
H: e então o que você é?
Ne: uma viajante ué, não tá na cara? eu costumo viajar por aí em busca de pistas sobre o mundo e talvez montar meu próprio grupinho de pessoas
L: *pega o distintivo no chão
e o que é isso?
Ne: *olha com um olhar sério pro Lusk
L: olha, eu não sou contra isso mas aparentemente vocês sao contra o reino
então, eu quero saber se eu poderia entrar pra essa ordem aí
eu sou um cara bem descolado que quer esfolar a cara do reino no asfalto sabe
H: Lusk!
*da um soco no cotovelo dele
Ne: *puxa uma faquinha e vai pra cima do lusk
H: OU
*puxa o lusk
L: *cai no chão com esse puxão
OU QUAL FOI
Ne: vocês sabem demais
...
*junta as mãos e atira uma bola de neve muito rápida no Lusk
L: *desvia
se eu tomasse esse ataque aí eu acho que eu ia ter dor de barriga por um mês
Ne: *vai pra cima do lusk de novo
*tenta dar uma facada nele
L: *segura a mão dela q ta com a faca
*chuta ela um pouco pra longe
Ne: *vai pra cima dele de novo e da um soco nele (com a outra mão)
L: *defense e começa a trocar socos com ela
H: ... caracas eu não sabia que ele lutava assim
Ne: *consegue jogar o lusk no chão e tenta dar uma facada na cara dele
H: °°
*troca de lugar com a faca
*segura o braço dela e da um mini chutinho na costela dela
Ne: *vai um pouco pra trás
*volta pra frente
*passa por ele e da um golpe na cauda dele
H: u
*visão fica um pouco ruim
Ne: *da um soco no estômago do Henry e depois no rosto
H: *cai no chão
Ne: *pega a faca
L: O MALDITA NAO FACEIS ISSO
*tenta socar a cara dela
Ne: *segura o braço dele e enfia a faca em um ponto
L: AAA
H: *da um soco na cara dela e aí ele vai pra cima dela
*segura ela
*olha pra cara dela
Ne: *tá com uma cara meio desconfiada mas com raiva
*chuta cauda do Henry por baixo
H: *fica bugado dnv
Ne: *passa a faca na bochecha dele chuta ele pra longe
H: *coloca a mão na bochecha

L: *REDEMOINHO DA MONTANHA
*joga ela longe com uma rajada de vento
H: começou a inventar nome pros ataques agora?
L: isso não importa agora ..
ugh
H: mano o seu braço
L: também não importa...
E POR QUE DIABOS VOCÊ NAO ACERTOU NENHUM ATAQUE NELA
H: eu não consigo fazer nada quando ela machuca a cauda, eu não sei o porquê
L: ...
H: mas chega aí a ideia é que talvez ela também tenha essa fraqueza...
L: então pra acertar ela a gente tem que acertar a cauda primeiro?
H: meio q isso
L: *tive uma ideia
*um min depois
H: *sai correndo com uma pedra na mão e joga ela atrás da Nevaska
Ne: *desvia e tenta acertar Henry com a faca
H: *troca de lugar com a pedra
*tenta acertar a cauda da nevaska
Ne: *vira e chuta ele pra longe
L: *vem quando ela tá despercebida e chuta a faca dela pra cima
Ne: *da um soco nela
L: *olha a faca indo em direção a cauda
Ne: *vai segurar a faca
H: *troca de lugar com a faca e da um SOCÃO NA CAUDA
Ne: °°
L: *se segura e faz tipo um Rasengan de ar só q ele não é azul
*acerta na barriga dela e joga ela longe
Ne: *sai voando e bate numa árvore
*sai do meio da poeira com o nariz sangrando
...
*emana uma energia muito grande de poder
H: iiii
L: ferrou.
Ne: tá.
H: hm?
L: O QUE
Ne: tá ué
H: ta oq
Ne: vocês perguntaram se podiam entrar pra ordem, e eu respondi

H: °°
L: ....
Ne: foi mal os machucados... eu precisava saber se vocês tinham cabeça pra batalhas assim
*bota a mão atrás da cabeça e ri
L: a gente confia nela?
H: eu voto que sim
L: uffffd é estranho ter que confiar em alguém que quase arrancou meu braço mas... é o que eu irei fazer
ok, estamos indo com você
Ne: CARACA MANÉ
ESSE É O ESPÍRITO (✯ᴗ✯)
H: *dá uma risada
mas aí, vocês tem uma base, um quartel, ou até um castelo?
Ne: eu não posso falar aqui as paredes tem ouvidos
vamos andar?
mas antes!
*vai pra perto do lusk com um frasco com um líquido rosa meio vermelho
*despeja um pouquinho no machucado do Lusk, que vai se fechando aos pouquinhos
*vai em direção ao Henry
*molha o dedo no líquido e passa na ferida do Henry na bochecha
*olha pras orelhas dele e sente alguma coisa reparando na cor...
*mas dps ignora
*fecha o frasco com a rolha de novo
prontinho
*guarda na mochila
H: o que foi isso?
Ne: lágrima de dragão, é extremamente curativa
H: caraaaaca...
(ㆁωㆁ)
L: ta, a gente pode ir?
Ne: como quiser, guia de turismo
**no caminho:
Ne: eu peguei leve com vocês, tá?
L: ah sim
H: uhum uhum
Ne: é sério! eu nem peguei minha lança e vocês viram isso...
H: por que não?
L: voce podia ter pego
Ne: é que é bem injusto eu ir bater em vocês com uma lança e vocês com facas de cozinha, não?
hehehehe
mas no mundo lá fora não vai ter essa moleza
ninguém liga muito pra justiça aqui, eu acho pelo menos
*abaixa a cabeça e olha pro chão enqnt anda
H: ... ah mas e aí? como funciona a resistência?
Ne: eu achei vocês super legais, além de vocês terem noção de combate vocês fazem piadas engraçadas
L: *chega perto do Henry
da uma patada nela
H: que?
Ne: ahabsusbshs tipoy isso
**chegando lá
ee é aqui
H: iii
{o cenário: tem uma puta duma floresta com um pouco de neve onde eles tão, eles olham pra cima e tem um morrinho com uma escada, e lá de cima parece dar pra ver a floresta toda}
Ne: *sobe a escada
{o tempo: já tá de noite D:}
Ne: lar doce lar
L: aqui?
H: woow
{o lar: é uma cabana mediana, com dois andares e um teto um pouco plano}
L: a
Ne: é aqui
*abre a porta podem entrar
{lá dentro: é tipo um lugar bem aconchegante mesmo, tem muitas fotos, tem 3 colchoes no chão, tem uma lareira desativada e uma escada pro sótão}
Ne: lá no sótão tá a minha cama
vocês podem dormir onde quiserem, des de que vocês não encham o saco me cutucando de noite...
H: hmmmm
L: onde você vai dormir, brether?
H: ainda pensando
Ne: *subindo a escada quase lá em cima
se quiserem dormir aqui em cima não tem problema, a questão é q o COBERTOR é meu
H: vai dormir com ela?
L: Não.
H: nem eu
L: *se joga num colchão do chão
eu durmo aqui.
H: e eu aqui
*pula o colchão do meio e vai pro da outra ponta
....
⌛um tempo depois...
H: *acorda de madrugada
*olha aos arredores e só vê a silhueta do lusk deitado roncando p krl
*ve a luz da lua entrando pela janela
*levanta e vai andando em direção ao mural de fotos
*pega uma foto
{a foto é a Nevaska com outra raposa da mesma cor do Henry, do mesmo tamanho da nevaska e as duas parecem bem felizes por mais q estejam cheias de curativos}
H: *ouve um violao bem longinho
*guarda a foto no bolso e sobe a escada
*vê a luz da lua vindo da escada por mais q as cortinas do quarto dela estejam fechadas
*sobe lá e vê o quarto dela
{é bem simples não tem nada além de uma mesinha com espadas e facas e um lugar onde tá um pijama dela de flocos de neve}
H: ...?
*percebe que tem uma escada ao lado que tem um alçapão aberto e é dali que tá vindo uma luz forte da lua
*sobe e olha pra direção da lua
*vê a silhueta da nevaska na frente da lua com um violão olhando a floresta e um farol bem lá no fundo
*escuta a melodia de uma música mt fofa
Ne: *para de tocar violão e olha pra trás
hmm?
*ve o Henry
....
No próximo episódo: -Ep 4- Sejam bem vindos! A resistência... obg por ter lido, te amo
submitted by henrylore to Najiyu [link] [comments]


2020.09.09 22:17 BanselSavant A maldição da demissexualidade

Edit: a "namorada" me chutou. A gente ia se encontrar na segunda, adiou, na semana que vem, agora nunca. Depois n querem meu psicológico fodido. Me dispensou pois pretende se mudar pro nordeste e facilitei isso com umas informações que n tinha. Sucesso pra ela, enquanto eu continuo na merda. Nada muda E a outra lá eu chutei. Sanguessuga malvada
Acho que é óbvio o paradoxo, mas quero discutir. Sim, por causa da pornografia, um monte de fetiches e invejas me surgiram, como pegar em festa, ou em público, ou em situações específicas, etc, mas n sei se conseguiria fazer de fato. Sou um fracasso na vida, logo na sexual também. Todo sexo q tive foi pagando e o que foi "na amizade" mesmo pagando foi o único q gostei, justamente pela amizade, pela conexão, pelo gostar da mina. Posso ficar duraço com uma mina que vejo na rua, mas obviamente n poderia chegar ou tentar algo. Essas histórinhas de rolar com desconhecidos deve ser meme ou com sortudo, como uma que a ex (diaba muito diaba) me contou. Conversaram um pouco na piscina do hotel e foram e fizeram no banheiro. Queria muito saber como ele convenceu ela a isso, como ela n se arrepende e tal (n q deva ter motivo de arrependimento. Quero q ela se exploda), como rola essa conexão. Parece q existe palavra mágica. Invejo esses caras q conseguem boquete aleatório de desconhecida, etc. Roteiro de pornô, mas da uma depre pq existe na realidade e queria q rolasse comigo. Diversas vezes fiquei atraído e seria tão massa se rolasse, sem machismo, sem estupro, sem forçação, sem mimimi, só tesão, dois corpos se pegando. Obviamente acho q n sou atraente. Sou estranho, alto, magrelo, desvio os olhos, etc. (Tou melhorando, mas longe de ser um garanhão) Mas convenhamos q muitos feios pegam, que muitas minas só querem o pau e tão nem aí se o cara é casado, santo ou bate na mãe. Muitas tem seu tesão e queria topar com uma que só rolasse e tal. Seria tão massa. Maaaaas eu conseguiria? O pau continuaria duro? Conseguiríamos um posição confortável? São tantas dúvidas e pensamentos q quase piro. Por outro lado, quero a minha gata, passear pelo corpo dela, endeusá-la, ajudá-la a sentir todo prazer possível. Eu sou romântico. Mas parece que romantismo afasta as mulheres. Qual o problema de meter até o talo sim, num banheiro sujo qualquer, mas com carinho? N gosto mesmo da ideia de objetificar, por mais q tenha meus fetiches de dominação. Dominação é objetificar? O que difere uma mina que gosta de ser chamada de puta do cara que chama ela de puta? Ela é um lixo? Ele é um lixo machista? Acho que notaram q tenho dúvidas sobre pessoas em geral. Gostaria de entender, como lidar com as pessoas, como reconhecer que uma mina tá a fim... É meme aquela história (isso é exemplo) do caminhoneiro que mostrou o pau pra filha do dono do posto de gasolina, incentivou ela a entrar na cabine do caminhão, tocar nele, chupar ele, ele depois mandar ela se limpar e n dizer nada a ninguém e ainda ela ainda ter gostado de tudo isso? N que eu queira mostrar o pau por ai, mas já vi tanta história de cara exibicionista que despertou tesão na mina e comeu ela. Ou é tudo meme? Ou acontece mesmo, principalmente nesses interiores de fazenda, região rural e menos urbana ("menos civilizada")? Pessoal, são dúvidas sinceras. Meio que tou namorando agora e tou sem saber lidar com ela. N gooooosto dela, mas n quero perder ela. Eu sei que pareço um canalha que vai usar ela e depois abandonar, mas realmente n quero isso. Se for para deixar ela, ela vai continuar virgem, pq n vou me aproveitar. Já cometi uns erros na vida e minha disciplina está intacta, meu senso de moral engrossou. N é divertido machucar coração. N é divertido fazer mal a alguém. Mas já vi tanta história de casais q de comum acordo desvirginaram, mas n ficaram naquela de ficarem juntos para sempre. Já vi tanta história de nego q comeu e abandonou e a mina continua a vida como se nada tivesse acontecido, n sente raiva dele e tal. Deliberadamente eu casaria sem hesitar com umas meninas específicas, mas n essa "namorada". Moramos perto, mas ainda n nos vimos pessoalmente. Quando acontecer, vou poder estourar ela de beijos (devo, por palavra dela), mas nem pensar muito em algo sexual. Okay dela n daaar no primeiro encontro. Compreensível, mas em algum momento vai rolar. Acho q sinto um medo de ficar preso a ela. Sou muito sentimental e sabem a ex diaba q citei? Diaba pq ela casou e ainda me contata. E ela é de outro estado e nunca nos vimos pessoalmente. Ela me persegue, acho q esperando q eu mande ela tomar no cu e bloqueie. Mas n sou de fazer isso. Tenho raiva dela, mas se eu externar, meu coração q vai sentir e n vou ter um piripaque por causa dela. Mas é notável q ainda sou um pouco preso a ela. N no sentido amoroso ou sexual (quero que ela se exploda²), mas n consigo levantar o dedo para dar fim de vez a esse contato. Sinto q eu perderia algo. Sabem a história dela com o cara na piscina? Consegui arrancar dela indagando sobre tesão feminino, oq no homem atrai a mulher e tal, pois já que ela é mulher experiente e eu preciso de respostas, resolvi tentar aprender um pouco, tirar algum proveito dela, depois dela brincar tanto comigo. Gente, o que eu faço? Tou certo em algo? Tou errado em algo? Em q? Oq faço? N quero machucar ninguém e com essa postura acabei bem machucado pelos anos ae (antes e depois de eu ter cometido os uns erros que citei)
submitted by BanselSavant to sexualidade [link] [comments]


2020.09.09 01:26 Cringezinha Conheci um cara lindo. E agora?

Me chamaram pra tocar num lugar na sexta passada, e como eu precisava do dinheiro furei minha quarentena e fui. Um conhecido meu (um cara que inicialmente era paciente da minha mãe, mas acabou fazendo amizade com ela) estava lá com o “colega de casa dele” que, a propósito, era lindo.
Percebi uns olhares meio diferentes do cara enquanto eu cantava, mas pensei “Nada a ver. Eu estou trabalhando, tenho que ter uma certa postura.” e comecei a desviar. Quando terminei de tocar ele veio falar comigo e me elogiou, agradeceu pelas canções que eu cantei e disse que eu tenho um “vozerão”. Ele acertou em cheio, porque é justamente esse o elogio que mais massageia meu ego. Enfim, conversamos um pouco mais e percebemos que somos bem parecidos, temos os mesmos gostos. Eu tentava não olhar diretamente pra ele, me manter meio distante, até que ele lançou um “vamos combinar de dar uma volta”. Respondi que ele podia vir junto quando o colega dele viesse na minha casa.
Quando cheguei em casa comentei dele com a minha mãe e outro amigo (gay) que o conhecia, o amigo mandou o instagram do rapaz, mas nessa altura minha mãe já tinha stalkeado o facebook todo dele sob protestos meus. Ela descobriu que somos muito mais parecidos ainda e ele é chef do meu restaurante preferido.
Enfim, fui eu abrir o perfil do rapaz, mas isso aconteceu justamente quando eu estava no banheiro, então meu celular caiu e seguiu ele do nada. O perfil fechou bem rapidinho, e eu nem conferi se a solicitação tinha sido enviada ou não. No outro dia ele não tinha aceitado a solicitação, aí fui ver se tinha mandado mesmo e apareceu que não. Estou mentindo pra mim mesma que a solicitação não foi, e também que caso ela tenha ido minha foto do perfil (que é privado) é num lugar muito escuro e o rapaz não sabia meu nome.
Minha mãe acabou me contando que o rapaz que mora com ele na verdade é bi, então pode ser que eles não sejam apenas colegas de quarto (e amigos de infância), apesar de não parecerem um casal de jeito nenhum.
De qualquer forma, acho que eu estou inventando coisas, desculpas pra insistir com isso. Sei lá, é que foi tão legal pensar que pela primeira vez eu tinha encontrado alguém massa que combinava comigo que eu meio que posso ter me perdido nisso.
submitted by Cringezinha to desabafos [link] [comments]


2020.09.07 16:08 Yanuda543 SOCORRO! Estou farto de ser assediado por homens homossexuais?

Isto não é nenhum tópico homofóbico nem nada que se pareça, mas em toda a minha vida, apesar de ser hetero, já fui importunado umas 15 vezes por homens homossexuais / bissexuais, e eles não aceitam uma recusa.
Na empresa onde trabalho tem uns 4 homens, todos homossexuais não assumidos, e eles vivem me olhando, tentando me tocar e flertando comigo (e eu nem falo com eles). Como se não fosse bastasse na academia tem um cara que me persegue , fica me olhando e vai atrás de mim quando vou tomar banho. Pelo amor de Deus né?
Na escola também eu era o crush de pelo menos 2 garotos da minha sala e eles vivam atrás de mim apesar de eu deixar claro que não tinha sentimentos recíprocos. O meu problema não é o fato de serem gays, mas é que eles INSISTEM bastante, mais do que as mulheres. Não tem haver com o fato de serem homossexuais, mas sim de serem homens mesmo, pq quando há sexo envolvido homem não cansa até obter, seja hetero seja gay.
O que eu faço camaradas? Como dar um 'chega para lá' definitivo numa situações dessas sem ser grosseiro ou parecer arrogante?
submitted by Yanuda543 to brasil [link] [comments]


2020.08.29 20:00 PatoPatolina Tenho invejo e não sei como parar com esse sentimento ruim

Tudo começou quando conheci as mídias sociais da minha cunhada. Sim, eu estou num relacionamento e meu namorado sempre escondeu quem era a irmã dele. Até que um dia ele me mostrou o Instagram dela. Caralho, tô mortinha de inveja. Já chorei até de raiva. Meu namorado fica puto quando fala dela e diz que ela é burra e nem gosta do namorado dela ( é mais velho que meu namorado mas vive de YouTube a lá Felipe Neto). E pra explicar de onde vem minha inveja vou desabafar as merdas que eu sinto/passo na vida. Nos somos imigrantes de países diferentes, i vivemos num terceiro país, viemos por razões econômicas de estudo e trabalho. Falamos a língua local. Mas eu dou aulas de outro idioma e sou formado com mestrado na área de exatas e to aprendo o idioma do país dele, sim eu já sou fluente em 4 idiomas. Ele é programador. Pra conseguir estudar e trabalhar aqui é dar conta da vida eu saio de uma aula as 12:15 e preciso pegar um as 12:20 pra chegar em meu trabalho. E como é part time eu não tenho intervalo. Ou seja eu só tenho café da manhã e janta. E tá melhor que meu antigo trabalho que era camareira num hotel cinco estrelas. E a inveja é pq a minha cunhada é mais velha que eu e nunca precisou bater um prego na barra de sabão. Só tem ensino médio, não sabe editar vídeo ( o canal dela é mostrar a minha vida - e de fato ela edita mal pra caralho, inclusive os TikTok são mal feitos ) e basicamente ela tem 10x mais views quando o namorado dela aparece. Mas ainda sim consegue monetizar os vídeos e ganhar dinheiro. Meu namorado qualifica como ruim mas eles vivem disso. No dia que chorei foi quando resolvi ver um vídeo e lá mostrava os lindos joelhos sem manchas e ela mostrava como eram as quartas-feiras lindas de academia comida saudável, Netflix e cuidados de skin care, e eu me sinto uma merda por que meu joelhos ganharam um tom preto/roxo por causa do meu trabalho de camareira que eu tinha que limpar os banheiros de joelhos e fazer as camas de joelhos( as exigências de limpeza são enormes, e super puxado eu abri meu pulso, duas infecções urinárias pq não podia fazer xixi e um travamento enorme na coluna depois de seis meses de inferno consegui outro trabalho) mesmo assim não consegui me livrar das manchas. De tão detonador que era. E eu chorei de inveja, caralho eu mal tenho tenho tempo pra cuidar de mim. Pq eu tenho que trabalhar, em dois empregos mais aulas particulares pra conseguir juntar dinheiro pra estudar e ficar legal nesse país,não quero voltar pro Brasil . Pagar aluguel e pagar algumas contas. Não sobra pra comprar uma blusinha ou uma calcinha, se for necessário eu tenho o suficiente pra comprar em uma loja de usados o que não tá em mais condições de uso ( olha que eu remendo minhas roupas). Eu nem sei o que é comprar algo novo numa loja mais. Meus produtos de beleza é o sabonete, shampoo e condicionador e creme hidratante na promoção que achar no mercado. Enquanto isso minha cunhada ganha mil produtos e nem faz review, só recebidos. Pra mim a vida sempre foi horrivelmente dura, ou me formava ou seria pior, ou eu aprendia mais dois idiomas mesmo tendo dislexia, ou nada. Muita ralação, pra ver gente levando uma vida super mansa. Postar vídeo falando que é vegetariana mas posta foto comendo peixe, e até calzone de queijo com presunto. E ganhar refeição grátis de restaurante. Pra completar meu combo descobri que sua sogra foi modelo, o sogro foi fotografado de celebridades de revistas de moda. Eu tenho sobre peso, diria que minha beleza é mediana pra baixo. Como é que vou encarar a família dele quando tiver que visita-los no natal? A situação é de um jeito que sou eu que tem que aprender o idioma deles pq eles não precisam aprender algum que eu fale( nem o básico inglês) l. E sim eu tenho inveja da dita aí que parece que nunca precisou botar a cara no sol, e já tem botox e afins quanto eu torrei toda a minha grana pra conseguir imigrar e minha vida parece que nunca vai pra frente. Mesmo eu me dedicando pra caralho, fazendo curso on-line e outro presencial, trabalhando e tudo. Pq se eu não fizer isso eu nem sei se vou conseguir comer, ou conseguir ficar. Eu me sinto horrível por ter esse sentimento mas é simplesmente frustrante ver o quanto eu fiz e nunca consegui o emprego em minha área. Eu basicamente sobrevivo de dar aulas que diga-se não dá muito dinheiro vc precisa trabalhar as vezes 12 horas ao dia pra conseguir alguma grana. ( 12 horas de aulas fora planejamento) um horário tão apertado que nas suas horas livres vc tem que planejar. Eu só tenho livre os domingos depois das 5 da tarde. Ai eu vejo minha linda cunhada indo viajar, indo comer em restaurantes que mesmo que eu pudesse eu não posso pq to trabalhando. Não dá. Simplesmente morro de inveja. Tenho amigas que sempre insistiram pra eu fazer a influencer . Mas pra quem já deu bom dia pra colega de trabalho e o bicho mostrou o pinto pq vc “deu mole” ou outras merdas. Simplesmente não quero colocar minha vida em risco. Na verdade eu não sei como não rola medo de assédio e talz. Pra mim era horrível na engenharia, as vezes a gente tava na biblioteca e via caras a masturbar-se olhando pra vc. Gente que se achava no direito de te tocar pq vc era a única mulher.... Enfim, me apavora. Adoraria ter a vida dela sem precisar pagar o preço. Por favor me ajudem a ser uma pessoa melhor, pq eu não to conseguindo.
submitted by PatoPatolina to desabafos [link] [comments]


2020.08.28 19:08 FlavioKD9 Fugi de um Zoológico Alienígena

Eu fugi de um Zoológico Alienígena onde sou um espécime raro de ser humano. Bom, tirando a piada horrível, cá estou eu de novo desabafando. Tenho 22 anos e minha autoestima não existe, e isso já faz um bom tempo. Nunca fui a pessoa popular da escola, porque eu era feio, gordo, e alguns outros detalhes que vão aparecendo conforme vocês leem o texto. Ok, eu nunca liguei muito pra falar a verdade, é claro que eu estaria sendo hipócrita em falar que eu não gostaria de fazer parte do grupo das pessoas bonitas, populares, rodeadas de pessoas, cheias de talentos, etc. Conforme fui crescendo, uma surpresa.... nada mudou. Tentei ir ao dentista arrumar os meus dentes, coloquei aparelho, usei por alguns meses, que eu me lembre foi quase um ano, pra depois descobrir que não estava adiantando de nada, e que eu tinha a mordida aberta, ou seja, só com cirurgia pra resolver. Minha mãe é super protetora, sou filho único e blá blá blá. Eu a entendo, era uma cirurgia, até onde ela pensava ser desnecessária e cara, então deixei por essa. Agora durante a quarentena, fui pesquisar um pouco mais sobre essa condição, e descobri que a mordida aberta, causa problemas na dicção, que sempre tive aliais. Sem contar que não consigo mais sorrir naturalmente.
Ok, esse é um dos problemas, agora o outro é que eu uso óculos. (Ah, mas não é tão problema assim...) Realmente, eu concordo que tem outros problemas que com certeza são MUITO piores. Mas é um a mais na lista de autoestima baixa. Outro problema, é que eu tenho uma crosta meio preta, marrom, sei lá, parecendo sujeira no pescoço e nas axilas. Outro detalhe que me deixa completamente inseguro, é que eu tenho uma única bola. Não fui atrás pra saber se tem algum problema que afeta de alguma forma o processo de reprodução, mas me deixa muito inseguro. Outros detalhes que vou passar por cima, a pele das minhas mãos são completamente secas, mesmo eu passando creme todos os dias, nada resolve.
Tenho suor excessivo quando vou dormir, não é sempre, mas em dias que eu durmo muito ansioso ou preocupado com alguma coisa, acontece isso, aí tenho que acordar no meio da noite, todo suado e trocar de roupa. Não tenho talento. Eu sei que vão dizer que eu devo ter algum talento, só não achei ainda, pode ser verdade, mas eu tenho um violão que nunca aprendi a tocar porque não tenho ritmo, consigo fazer os acordes, mas não consigo tocar e ao mesmo tempo trocar os acordes. Cozinhar eu sei o básico. Desenho só os de palitinho. Jogar eu sou horrível, sempre joguei no médio/fácil.
E algo que tem me deixado maluco durante a quarentena, é que eu encontrei o amor pela arte (música, atuação, dança, cantar, entre várias outras) e eu sou completamente horrível neles. Mas é algo que eu amo, e amaria trabalhar. Agora vou falar um pouco da famosa ansiedade, convivo com ela desde o ensino médio, nunca fui a um psicólogo porque ela começa sugando poucas coisas, que vão te impedindo de fazer coisas, e de seguir os sonhos. Até chegar no ponto de ano passado, eu não conseguir me reconhecer no espelho, não sabia o que eu gostava, o que tinha de ambição, entre outras milhares de coisas que, agora, estou tentando retomar.
Vamos recapitular: feio, gordo, mordida aberta, crosta estranha, pele extremamente seca nas mãos, óculos, suor excessivo, sem talento e ansiedade. Eu nunca me apaixonei completamente por alguém, já perdi o BV, mas a gente estava meio bêbado em uma festa. Sou virgem (Nossa, sério **por favor, fingem surpresa aqui**). No início da quarentena, eu me apaixonei..., mas me apaixonei por uma pessoa próxima, certo? Errado, me apaixonei por uma pessoa inalcançável. Literalmente, ela é brasileira, famosa, mais de 15M de seguidores no Instagram. E não foi aquela paixão com teor sexual, eu me apaixonei daquela forma boba, de querer estar com a pessoa, saber como foi o dia dela, ver ela crescer e brilhar, beber um vinho e conversar sobre tudo, viajar, etc. E eu sei que nunca vai rolar, porque... bem, eu sou eu e ela é inalcançável.
submitted by FlavioKD9 to desabafos [link] [comments]


2020.08.20 19:48 Cepheyy Skylab e Júpiter Maçã

Hoje de manhã 🌅, eram 9 horas 🕘 da manhã, ligaram 📞 pra minha casa. 🏡 Eu atendi. E a pessoa 🤷🏼‍♂️ do outro lado falou assim🗣️: "Skylab, é você mesmo?" 🤔 falei "sou eu, sou eu que tô falando, Skylab." 😳 "é porque vou ser entrevistado 🎙️ por você hoje, eu queria saber se você é você mesmo."🙋🏼‍♂️ "sou, eu sou eu mesmo então." "me da uma prova 🗃️ de que você é você." e eu fiquei completamente desesperado 😨, eu comecei a desconfiar de que eu era eu mesmo 😲. Bem, essa pessoa que tava na outra linha 🧵 no telefone 📞 tá aqui agora ao meu lado. Tô falando de Júpiter Apple. 🪐🍎

É isso aí Skylab. 😉 Um dia um dia se dá yes 👍🏼, outro dia se dá no 👎🏼. Ahmmm... Eu aterrissei no Congonhas 🛬 e já aterrissei com cheiro 👃🏼 de uma espécie de queijo 🧀 porque umas meninas 👭🏼 vieram me masturbando 🤤 dentro do avião ✈️ e eu fiquei com cheiro 🤮 de uma coisa meio... é... aquele produto que vende...

Ricota? 🧀

Ricota, de queijinho. 🧀 Então... Ahhhmm, fiquei meio perturbado 😖 de me apresentar de repente assim pra você com esse cheirinho 🤢, e além do mais o táxi 🚕 do aeroporto 🛫 daqui pra cá demorou ⏱️ bastante e eu fiquei me masturbando ✊🏼🍆, mas como uma menina batendo uma siririca 🎛️. Éhhhmm, então éééé... Agora que estou aqui quero falar 🗣️ com você.

Ali no Sétima Efervescência 💿, você... Você faz uma homenagem 🎤 a Syd Barrett?

Não 🚫. Eu quis tocar 🎸 em Syd algumas vezes, inclusive fisicamente 😏, porque eu preciso, eu vou tocar 👉🏼 em Syd, porque é o meu master 🏆, o meu role master, o maior 🔝 de todos.

É o maior? 😯

Eu respeito você 👤e todos que vêm antes ⏪, mas Syd é uma... I'm sorry. 😔

Isso é histórico. 📆

Deixa eu mexer no pau 🍌. Botar o pauzão 🍆 bem na cara do... Vote 🗳️ em mim... Faz a pergunta. 🙋🏼‍♂️

Por que 🤔 você não se masturba ✊🏼 agora?

Eu não 🚫 me masturbo agora porque eu acho deselegante 🤨. Eu me masturbar 🍆 no seu show eu simplesmente ia achar 😤 uma coisa completamente deselegante 😨. Meu pau é enorme 🤏🏼, cor-de-rosa 💄, todas as meninas sabem 😜 e ficam completamente apaixonadas por isso 😍. Já sou um homem de 50 anos 🎂, sou parecido com um vovô 👴🏼 tarado-

HAHAHAHAHAHA 🤣 eu me lembrei de uma ☝🏼 frase: "não me chame de titio que o meu pau fica duro! 🗿"

É, agora não me chame de vovô 👴🏼 que fica mais duro ainda 🍌. Então, eu tô andando 🚶🏼 por aí e as meninas 👩🏼 estão loucas por mim 🥰 e elas adoram um sexo 👉🏼👌🏼 de putaria 🔞, porque elas gostam de sem vergonhice 😜, porque menina gosta. Elas simplesmente sentem 😩 a sensação da putaria 👩‍❤️‍💋‍👨, né?

Você é a Marlene Dietrich 👩🏼 do rock? 🎸

Eu sou uma lenda do rock 🤘🏼. Eu sou a Marilyn Monroe 👩🏼 do rock. Eu sou Zeppelin 👨🏼‍🦱, como chama aquele menino? 🤔

Robert Plant. 👨🏼‍🦱

Robert Plant! 😝 Eu sou o Robert Plant do rock. 🎶 I want to be here! 😮 How does it call, how does it do it... 🧐 -cantando- 🎤 This is the best man 🔝 in this world. 🌎

E... Vamo falar 🗣️ de Hisscivilization? 💿

Hisscivilization é um disco 💿 futurista 🔜 que eu não sei exatamente de onde veio 🌏 ou pra onde vai 🚗 e pra quem eu fiz 👤 ou pra quem vai. 👤

É o disco 💿 que eu mais gosto ❤️. Tem um camarada 🔨, André Peniche, que fez um DVD 💿, que fez um vídeo 📹 maravilhoso contigo, e ele chegou a falar pra mim 🤨 um dia que você tem um material que nunca foi mostrado 😮, me fala um pouco 🤏🏼 desse material.

A JAPANESE... 🇯🇵 tem minhas maiores obras 🖼️ vivas hoje mas algumas foram queimadas 🔥 em um apartamento 🏘️ em Porto Alegre porque... 👨🏼‍🎤 O negócio é rock and roll. 🤘🏼 Então... A JAPANESE... 🗾

HAHAHAHAHAH 🤣🤣🤣

What's happening here? 🤔 What's that... What's happening there? 😶

É muito bom ouvir você. 🥰

As pessoas se divertem 😂 comigo.

Pra caralho! 😆

Se divertem. 😊

PRA CARALHO! 😄

Se divertem... 😀

Pra caralho. 😃

Aonde eu vou 🚶🏼 eu levo, eu levo, eu levo alegria. 😜

Lógico pô, lógico. 🙄 O DVD 💿 que você gravou 🎥 em Porto Alegre, o primeiro 1️⃣ DVD em Porto Alegre, foi uma coisa linda 😳, as pessoas cantando 🎤... Aliás você sentou no piano 🎹, AÍ EU FIQUEI PUTO CONTIGO 😡, PORQUE VOCÊ FOI SENTAR 🪑 NO PIANO 🎹 PRA CANTAR EU E MINHA EX 👫🏼. E EU FIQUEI PUTO, NÉ CARA? 🤬

Lógico, essa é a melhor 💯 versão de...

Lógico, pô. 🙄

Consertei. 🔧

Lógico, pô. ✅ Aquele DVD é histórico 🏆 né, mas aquele DVD foi lançado 💿, porra?

NÃO FOI LANÇADO NUNCA! 😪

NÃO FOI LANÇADO NUNCA? 😯

É TUDO UMA PUTARIA 🔞, OS CARAS MENTIRAM PRA MIM 😡, DISSERAM QUE IAM LANÇAR O DVD 💿 E EU TINHA QUE CUIDAR🎚️, SÓ QUE ASSIM, EU LANCEI DE FATO 💽, ASSIM, COM MEU AMIGO AQUI 👬🏼. Só tem um detalhe, eu fiquei endividado 💸 no American House, 🏨 American Credicard House... 🇺🇸 E eu ainda fiz tudo, fiz... 😔

HAHAHAHAHA 🤣🤣🤣

E umas putinhas me chuparam 🤤, bem a xoxota 💦 e meu pau 🍆...

Me diga 🗣️ uma coisa, aquele lance que você... 🤨 Aquele lance que você caiu lá do segundo 2️⃣ andar, aquilo ali foi suicídio? 🎗️ Tentativa de suicídio? 🧐 O que que foi aquilo? 🤔 Porque você fala que você queria dar uma volta 🚶🏼 pela janela, ir pela janela, 🏬 mas aquele papo não... ⛔ É aquilo mesmo, é meio estranho 😲 aquele papo, não é? 🚫

Eu vou dormir. 😴

Então foi, né? 🥱

Desculpa 😪, fui longe, desculpa, fui... 😩

Foi um prazer IMENARRÁVEL- 🤝🏼

Não, eu fui longe... 😓

Não, mas foi maravilhoso 😍 pô, essa entrevista 🎙️ pra mim foi uma das melhores 🥇 que nós tivemos no programa 🔫 Matador de Passarinho 🐦, entendeu? Foi assim, maravilhosa 👏🏼, eu acho que o espírito 😇 do programa, com toda a ideia 💡 de silêncio 🤐, de ausência 🚷... Tá tudo aqui nessa entrevista. 😮

Entrevista outro, tomar uma cerveja. 🍻
submitted by Cepheyy to DiretoDoZapZap [link] [comments]


2020.08.20 17:47 DeepBluePacificWaves Noite estranha e um sonho erótico

Hj acordei 2 horas antes do despertador tocar. Tive um sonho estranho no qual a minha casa estava sendo assaltada e minha família pulava o muro do vizinho pra se esconder na casa dele. Não lembro como o sonho se desenrolou, pq acordei logo em seguida e não consegui dormir mais. Eu até tentei, mas consegui ficar no máximo num estado de vigília/pré soneca (tipo, quando vc tá meio acordado mas meio dormindo. Vc escuta e percebe algumas coisas à sua volta, mas vc não consegue se concentrar em nenhuma delas por causa do sono). Geralmente, quando eu fico assim eu costumo ter uns sonhos bem estranhos.
Dessa vez eu tive um sonho erótico que estava dentro de um filme porno (não lembro se foi algo que eu já tinha visto antes, mas bem que parece). O estranho é que eu era outra pessoa e que não estava no controle de mim mesmo, como se eu fosse um ator porno seguindo um script, só que o meu corpo agia sozinho.
Me lembro de estar transando com dois caras numa posição bem curiosa (não sei conseguiria fazer o meu pescoço fazer a mesma torção na visa real sem ficar com um baita torcicolo) e aí eu me lembro claramente de começar a foder um dos caras, e é meio que engraçado pq eu eu me lembro claramente de perceber que era que estava fazendo isso (tanto na vida real, quanto no sonho) até que eu acordei no clímax da coisa...
Sei lá, fazia tempo que eu tinha um sonho desses e o meu líbido anda tão pra baixo com essa pandemia toda, que eu senti que queria compartilhar isso com alguém, já que eu não costumo falar dessas coisas com as pessoas
submitted by DeepBluePacificWaves to desabafos [link] [comments]


2020.08.18 20:21 MissGatinha KAREN E CARLS, UMA DUPLA DE DAR PENA.

Olá Luba, editores, turma que está a ver, papelões, jebas, gatas e possível convidado.
Bem, a alguns anos conheci Karen. Gostávamos de jogos e nos dávamos bem, sempre levava ela para festas, pizzaria, cinema, ela vinha dormir na minha casa, sempre dividia tudo com ela. Meus pais nunca gostaram muito da nossa amizade, diziam que ela tinha inveja de mim, pois se ela por exemplo, pedisse refri e depois eu pedisse suco, ela pedia para trocar por suco, além de outras coisas. Já da parte dela, ela nunca queria que eu brincasse com as outras garotas, sempre queria que eu ficasse grudada com ela e eu tinha que brincar do que ela mandava.
Porém com o passar dos anos nossos gostos mudaram, ela brigava e me atacava por coisas bestas e eu já não a considerava tanto como uma amiga, tentava evitá-la. Ela fazia coisas estúpidas, ria forçado de coisas estranhas, ela fez uma amiga chamada Carls, me lembro delas fazerem piadas de mim, me mandarem pro inferno, desejarem a minha morte, e me chutarem. Elas me humilhavam e tiravam sarro de mim. Segundo elas era só uma "brincadeira". Eu tentava não ligar, fazia de tudo para agradá-las, tentar ser amigas, nunca gostei de encrenca.
Enfim, sempre tinha uma garota que andava com Carls, parecia comigo, ela sempre agradava Carls mesmo recebendo comentários cruéis em troca. Certa vez puxei um papo com ela e tínhamos muito em comum, viramos melhores amigas, diferente da Karen, Júlia me levava a sério, me respeitava e me tratava como uma amiga.
Depois de alguns meses entramos em quarentena, porém a Júlia ia fazer aniversário, só que por causa da quarentena, a cidade da tia dela (local onde ela iria comemorar) foi totalmente interditada. Ela ia passar o aniversário sozinha. Por mais que não fosse o indicado, resolvi convidá-la para dormir na minha casa. Conversamos com a mãe dela, tomamos todas as precauções possíveis e ela veio.
Foi divertido, passamos o dia todo brincado, dançando e cantando, no final da noite minha mãe ia trazer uma pizza e alguns lanches para a gente ver filme, arrumamos tudo e resolvemos postar algumas fotos no status.
Bem Lubinha, o problema foi que para não chatear Karen que era muito ciumenta, resolvi tirá-la do meu vizualizador do status. Postamos as fotos, minha mãe chegou e... Aí começou tudo.
Recebi várias mensagens da Karen me atacando. Ela me chamava de falsa, traidora, falava várias palavras de baixo calão e nos insultou. Minha mãe ficou indignada, logo ela que nunca foi de falar nada falando aquelas coisas.
Sem contar que ela falou:
-"Você me conhece a anos e nunca fez porr* nenhuma para mim, agora a Júlia que você conheceu a alguns meses, já vai lá e faz um FESTÃO! Mas eu aposto que você não esperava que eu estivesse na casa de Carls também."
Primeiro eu só me questionava o porquê dela poder ir para a casa de Carls quando bem entendesse, e eu não poder sequer convidar uma amiga para a minha casa, sem que ela viesse me atacar e querendo satisfação de um assunto onde nem foi chamada. A maioria das nossas brigas começavam com essa iniciativa toalmente irracional da parte da Karen, realmente me sentia falando com uma criança.
E sério, era só uma pizza e alguns lanchinhos, nada comparado as festas da escola e do cursinho que meus pais levavam eu e Karen, sendo que pagávamos comida e tudo para ela. É sério, realmente não me lembro dela ter feito algo parecido ao menos uma vez para mim.
Eu disse:
-"Karen, eu não te convidei por causa da pandemia, e se você realmente é minha amiga deveria ficar feliz por eu estar me divertindo".
Ressaltei:
-"Aliás, é ótimo que você esteja com a Carls, assim não é só eu que me divirto. Aproveite bastante e se divirtam".
OBS: Repostado.
submitted by MissGatinha to TurmaFeira [link] [comments]


2020.08.18 18:00 Vl4dimirPudim A história da ULIP

Após a expulsão dos texugos de teemo city nos Estados Unidos de Renatinho, eles foram para a ilha deserta sul do arquipélago de Pudinisland, lá eles fundaram um país livre das opressões dos humanos, e se consagraram o principal vencedor da 1° guerra Gnomistica ( só os Texugos acham que só eles ganharam a guerra ).
Após vários anos dessa guerra, a população almentará muito e assume a presidência Pripiat Kosvok, um texugo aparentemente normal, mas ele não era, ele dá um golpe de estado e intala uma ditadura que digamos "não seguem os direitos humanos", o nome do país é alterado para República dos texugos felizes, mas após alguns revoltas oprimidas as pessoas acabam aderindo as ideia do regime.
Havia vários relatos de tortura, perseguição política e miséria no estado dos texugos, isso ocasionou milhões de protesto em toda Pudinisland, a tenção era grande o povo temia e esperava um guerra, mas a UNP ( União das Nações de Pudinisland ) obrigada as potências do arquipélago a não criarem uma 2° guerra Gnomistica. Ela obriga a Rússia 2 a ceder os territórios da ilha comprida do oeste, mas especificamente o sul, que não havia nada além de mata é panda, a Rússia 2 "concorda" com os termos imposto pela UNP e acaba cedendo os territórios com uma população estimada de 4784 russos, boa parte militares na reserva ou aposentados, e milhões de pandas camponeses, plantadores de coxinha, A República dos texugos felizes, descobre uma grande reserva de minérios de vodka e petróleo de dinossauros mortos.
Eles invadem o local e enviam primeiramente prisioneiros de guerra e condenados para trabalhar em condições precárias dentro dessas minas. Porém eles decidiram escravizar a população Nativa também, incluindo os camponeses pandas. Uma dessas pessoas é Cleber Salgado, um ex militar russo que se aposentou devido a um assistente de trabalho ( uma granada explodiu no seu pé, e ele ficou sem pé ), ele foi um dos que foram levados para os campos de trabalho forçado, porém numa noite ele decidiu arriscar sua vida para tentar escapar desse pesadelo, ele conseguiu fugir para a mata, faz uma jangada e partiu até o território russo, lá ele falou com o gonverno e falou o que estava acontecendo com o antigo território.
Após meses de preparo ele consegue se reunir com os camponeses que fugiram é alguns pandas na região fronteiriça entre os russos e a República dos texugos felizes, ele monta um pequeno grupo armado com apoio dos russos. É parte para o campo de trabalho forçado de Vulkiguli, para libertar seus camaradas. A invasão a Vulkiguli falha, o exército de Cleber é totalmente destruído, muito perderam a vida e os que sobreviveram foram levados para prisões de trabalho forçado.
Cleber Salgado reúne mais uma vez um exercício, dessa vez ele Consegue Chamar os Pandas, que nem se quer falavam inglês, foram para guerra milhões de pandas, eles usavam apenas um chapéu de palha e uma ak 47.
A guerra de Miskivolk ( outro campo de trabalho forçado) contou com Cleber Salgado em pessoa, e alguns furrys, A batalha foi um sucesso, a rápida tomada fo forte de Susk Vantork Foi essencial para trasformar-lo numa fortaleza aliada, ganhado o fronte e derrotado o exército dos texugos pelo Atrito. Pouco a Pouco, o exército dos texugos foram recuando, e a meia noite é declarado a Vitória sobre o comando de Cleber Salgado e pelos grandes soldado Pandas que defenderam bravamente com suas vidas.
O forte foi usado como base pelos Exército aliados é, se tornou um grande ponto de refugiados de prisões, lá havia um grande acampamento improvisado que acomodava 150 mil pessoas Cíveis e soldados, Um Hospital militar, Depósitos feitos de madeira, Algumas plantações de coxinha, O forte foi todo murado e colocado guardas 24/7 para defender o forte. Pouco anos após o término da guerra, essa seria o início da cidade de Clepolis. Após a guerra de Miskivolk, houve várias outras guerra e invasões aliadas e inimigas, a maior delas foi a invasão aliada a principal base aérea da região, a Kormingtar 01, Essa foi a primeira grande derrota do exército dos texugos, que possibilitou o exército de Cleber receber suprimentos diretamente da russia 2, por vias aéreas, Também possibilitou a patrulha aérea da região, por conta dos helicópteros e aviões deixados pelos texugos, em sumo foi a principal batalha de toda Guerra pela libertação de U.L.I.P.
Agora Com o exército dos texugos recuando, o sul da ilha Dlinnyy era de Cleber, as vastas cadeias de túneis subterrâneos cheios de Chade ( o mineiro revolucionário super power revolution ), às vastas montanhas de Vodka, As estepes dos unos, Tudo era de Cleber. finalmente havia paz, mas Cleber Salgado Queria mais, Ele invade a ilha de Ostrov Krabov e... Começa a tocar Crab Island do Noisestorm...(NÃO '-')...
[Bom podemos perceber que Cleber Salgado perdeu a linha, o poder subiu a cabeça, então essa informação é importante]
...nada contasse? "AH MEU DEUS OLHA AQUELE MÍSSIL...BOOOOOOOMMMM" todo o exército de Cleber tinha ido por água abaixo, Cerca de 3 milhões de pessoas morreram, 15 milhões de Caran Morreram! ( F ). Sim a República dos texugos felizes tinha lançado um míssil 15x mais forte que a bomba De Nagasaki em um ilha composta apenas por caranguejos e o exército de Cleber. ( inclusive é por causa dessa bomba que a ilha tem esse formato de um "c" de lado). Essa armadilha foi crucial para a Guerra, será que Os Texugos triunfaram dessa vez? Será que o Cleber vai perder? A primeira derrota dos Russos? Resposta: (Tá Parei XD)
Essa armadilha deixa Cleber (mais) louco (do que ele já estava), Ele começa a beber litros de vodka, sua mente foi abalada completamente, Isaías, o seu melhor amigo panda havia morrido na quela emboscada, Penny a única mulher que ele amou na sua vida, havia traído ele com seu irmão Dias antes... Cleber sofreu. Mas isso não era o suficiente para Abalar o grande Cleber Salgado Peixes o Rei das Coxinhas, Com sua Bravura, Sua Mente Blindada de Belo soldado RUSSO e 30 litros de vodka ele não se abalava por nada... Foi então que ele planeja o plano Braba ruiva 2, Que consistia em Invadir a grande ilha Schastlivyy ostrov Barsukov, a ilha principal do estado dos texugos. A operação seria muito Difícil, mas para um louco... quero dizer um Gênio militar como o Cleber, o que é difícil? Ele passa Semanas sem dormir, focado no seu plano.
Até que chega o dia da ação. Começando com um bombardeios Noturnos, na cidade de Belo Texugo Horizonte, e em bases próximas a cidade, Após 2 Horas de constante Bombardeios, os primeiros ParaquedistasSaltam de seus aviões, caindo levemente em pastos verdejantes, juntos com os paraquedistas, Cerca de 300 mil soldados russos, desembarcaram em portos, costas e praias de Belo Texugo Horizonte, Foi um dia glorioso para os soldados aliados e um péssimo dia para os Texugos.
Na manhã do dia seguinte, os bombardeios acalmaram, e o grande exército liderado por claber marchava para o Rio de Texugo, Saqueando Vilas e pequenas cidades e tomando Fortalezas. Ao todo foram 15 dias Marchando. O exército estava motivado como nunca, eles contavam as História mais epicas é assustadoras e cantavam juntos Hinos de seus países, era lindo, aquilo para os soldados era nada além de uma grande aventura, de que sairiam Glorioso e orgulhoso de se mesmo. Mas a tomada do Rio foi mais Complicada do que eles esperavam...
A começar pela retomada dos Bombardeios, que foram eficazes no início, mas por conta das artilharias ante-aéreas, foram obrigados a recuar. Havia muitas resistência, e por conta das ante-aéreas o reforço dos paraquedistas não aconteceu como o esperado, ficando só com o reforço marítimo. Mas após 2 dias de batalha intensa, a presença do exército dos texugos era desprezível. Porém os traficantes de doginho dos morros se juntaram para lutar contra os soldados aliados, os morros de Rio de Texugo eram bem diferentes dos combates em campo aberto ou das ruas das cidades, os inúmeros becos e ruelas confundiam profundamente os soldados, fora o conhecimento geografia intenso dos traficantes locais, que além de serem traficantes eram apoiados pelo exército dos texugos. Essa Guerra foi muito massante para os Aliados que passaram por experiência terríveis até para soldados Russos. Ao longo de 7 dias de guerra, Rio de Texugo finalmente era Posse dos Aliados.
Agora eles partiam para uma jornada de 6 dias para São Texugo Paulo, indo pelo Costa que era repleta de bases da marinha dos texugos, o que dificultou o suporte marítimo dos russos, além de eles estarem completamente sem nem um apoio areio. Mas logo o tempo passa e lá estão o exército de Cleber há 10 quilômetros da capital São Texugo Paulo, que era a mais bem prepada é militarizada de todas as outras cidades, Todo o resto do exército profissional dos texugos estava lá, também toda a marinha e aeronáutica. Alguns bombardeiros e aviões decidiram embarcar nessa última viagem, uma viagem sem volta, ( F pelos pilotos que se sacrificaram pelos aliados ).
Guerreiros.
"A batalha sangrenta, que fez de nossos aliados pó e sangue, que cremaram nossos corpos, mas não nossa dignidade, que Feiram nosso peito com uma bala, mas não feriram nossa esperança, que Bombardiaram nossos batalhões, mas não nossos corações, Que afundaram nosso encouraçados, mas ainda vive em nossos passados, Escondidos em falsos deuses dourados. Jogaram Armas químicas contras nós, diminuindo assim nossos Karmas, Fazendo assim, com nossas inchadas, Trocadas Por lindas Armas, o Trabalho escravo, trocado por um liberdade. Podem matar, mas já mais terminaram o legado sem fim de um Guerreiro Pudim."
"Poema feito por Vladimir Pudim 2 de agosto de 2020"
Nesse trecho do poema "Guerreiros" retrata bem a Vitória sofrida dos Aliados, que para defender sua tirania Pripiat Kosvok usa de táticas desumanas contra nós, como armas químicas, lança Chamas e Torturas. Nessa batalha também teve a naufrágio do RSS Borisland, o grande navio russo da 1° guerra Gnomistica. Mas por fim Pripiat Kosvok foi morto e a paz foi instaurado no Novo Estado Dos Texugos Felizes. De quase 1 milhão de soldados que participaram diretamente da operação barba ruiva 2, apenas saíram vivos Por volta de 150 mil. ( um F a todos )
Foi instaurado um estado livre na República dos texugos felizes, voltando a ser o estado livre dos texugos [obviamente com ligação direta a Rússia 2 pq né?], mas especificamente falando da região de Cleber Salgado, a Rússia 2 toma o controle da região (por conta dos minerios) basicamente transformando a região em um estado fantoche. Vendo isso Cleber Salgado ( que está louco ) temia o estado que ele lotou para conquistar, se tornar novamente algo autoritário, ele vai até o kremlin, durante um pronunciamento oficial do gonverno russo ( que estava sendo transmitido para todos da russia 2 e até de toda Pudinisland ) ele invade o pronunciamento, dá um soco na cara de Gorbachev 2 ( presidente da russia 2 na época) fazendo ele desmaia, Cleber pega o microfone e proclama a União das linhas do imperio Pudinesco, ou U.L.I.P, Cleber Salgado acabou de dar um golpe de estado, pra não ocasionar mais uma guerra, a ONP concordou em deixar a U.L.I.P livre.
Cleber volta para o seu país recém criado, como chefe da nação, Ele é ovacionado pela sua população, todos de todas as cidades celebram sua liberdade. Cleber começa a exportar os minerais o ocasiona uma rápida crescida no Pib, ele começa a investir em infraestrutura e em pesquisa e desenvolvimento, principalmente na pesquisa do minério de Salsichomita, recém encontrado nas cavernas subterrâneas da U.L.I.P, vários pesquisadores do MUNDO todo foram para lá, entre eles os pesquisadores do Acre, que descobriram propriedades ante-gravitacionais na Salsichomita, quando energização, sua capacidade de armazenamento energético é 5000 de vezes mais eficiente do que as baterias comuns, um minério leve e muito especial, foi dos dinossauros que Cleber encontrou o lucro, e os dinossauros a revolução tecnológica que eles tanto queriam, foram vendidos toneladas de Salsichomita para o Acre, enriquecendo muito o estado de Cleber.
Após a chegada de Vladimir Pudim ao gonverno Russo, as relações da U.L.I.P com o Arquipélago de Pudinisland melhorou muito, principalmente com a Rússia 2, pois Vladimir Pudim foi ex-parceiro de combate de Cleber Salgado Peixes, antes do acidente da granada, A U.L.I.P cresceu e se tornou um país multe cultural, com Humanos russos, Caranguejos, Furrys e texugos que desertaram do estado dos texugos e Muitos pandas gordos.
O país atualmente
Nome oficial: União das linhas do imperio Pudinesco População: 2.457.998 habitantes Maioria ética: PANDA Pib per capita: 10.930 dólares Moeda oficial: Rubulo da U.L.I.P Religião oficial: Budismo dos Bandas Capital: Clepolis Presente: Cleber Salgado Peixes Gastos Militares: 2 Bilhões de dólares N° de ogivas nucleares: 0 Estado Atual: Em paz Favorável à uma unificação: não
submitted by Vl4dimirPudim to Pudinisland [link] [comments]


2020.08.16 00:55 MissGatinha FUI BABACA POR COMEMORAR O ANIVERSÁRIO DA MINHA AMIGA?

turmafeira

Olá Luba, editores, turma que está a ver, papelões, jebas, gatas e possível convidado.
Bem, a alguns anos conheci Karen. Gostávamos de jogos e nos dávamos bem, sempre levava ela para festas, pizzaria, cinema, ela vinha dormir na minha casa, sempre dividia tudo com ela. Meus pais nunca gostaram muito da nossa amizade, diziam que ela tinha inveja de mim, pois se ela por exemplo, pedisse refri e depois eu pedisse suco, ela pedia para trocar por suco, além de outras coisas. Já da parte dela, ela nunca queria que eu brincasse com as outras garotas, sempre queria que eu ficasse grudada com ela e eu tinha que brincar do que ela mandava.
Porém com o passar dos anos nossos gostos mudaram, ela brigava e me atacava por coisas bestas e eu já não a considerava tanto como uma amiga, tentava evitá-la. Ela fazia coisas estúpidas, ria forçado de coisas estranhas, ela fez uma amiga chamada Carls, me lembro delas fazerem piadas de mim, me mandarem pro inferno, desejarem a minha morte, e me chutarem. Elas me humilhavam e tiravam sarro de mim. Segundo elas era só uma "brincadeira". Eu tentava não ligar, fazia de tudo para agradá-las, tentar ser amigas, nunca gostei de encrenca.
Enfim, sempre tinha uma garota que andava com Carls, parecia comigo, ela sempre agradava Carls mesmo recebendo comentários cruéis em troca. Certa vez puxei um papo com ela e tínhamos muito em comum, viramos melhores amigas, diferente da Karen, Júlia me levava a sério, me respeitava e me tratava como uma amiga.
Depois de alguns meses entramos em quarentena, porém a Júlia ia fazer aniversário, só que por causa da quarentena, a cidade da tia dela (local onde ela iria comemorar) foi totalmente interditada. Ela ia passar o aniversário sozinha. Por mais que não fosse o indicado, resolvi convidá-la para dormir na minha casa. Conversamos com a mãe dela, tomamos todas as precauções possíveis e ela veio.
Foi divertido, passamos o dia todo brincado, dançando e cantando, no final da noite minha mãe ia trazer uma pizza e alguns lanches para a gente ver filme, arrumamos tudo e resolvemos postar algumas fotos no status.
Bem Lubinha, o problema foi que para não chatear Karen que era muito ciumenta, resolvi tirá-la do meu vizualizador do status. Postamos as fotos, minha mãe chegou e... Aí começou tudo.
Recebi várias mensagens da Karen me atacando. Ela me chamava de falsa, traidora, falava várias palavras de baixo calão e nos insultou. Minha mãe ficou indignada, logo ela que nunca foi de falar nada falando aquelas coisas.
Sem contar que ela falou:
-"Você me conhece a anos e nunca fez porr* nenhuma para mim, agora a Júlia que você conheceu a alguns meses, já vai lá e faz um FESTÃO! Mas eu aposto que você não esperava que eu estivesse na casa de Carls também."
Primeiro eu só me questionava o porquê dela poder ir para a casa de Carls quando bem entendesse, e eu não poder sequer convidar uma amiga para a minha casa, sem que ela viesse me atacar e querendo satisfação de um assunto onde nem foi chamada. A maioria das nossas brigas começavam com essa iniciativa toalmente irracional da parte da Karen, realmente me sentia falando com uma criança.
E sério, era só uma pizza e alguns lanchinhos, nada comparado as festas da escola e do cursinho que meus pais levavam eu e Karen, sendo que pagávamos comida e tudo para ela. É sério, realmente não me lembro dela ter feito algo parecido ao menos uma vez para mim.
Eu disse:
-"Karen, eu não te convidei por causa da pandemia, e se você realmente é minha amiga deveria ficar feliz por eu estar me divertindo".
Ressaltei:
-"Aliás, é ótimo que você esteja com a Carls, assim não é só eu que me divirto. Aproveite bastante e se divirtam".
submitted by MissGatinha to TurmaFeira [link] [comments]


2020.08.13 13:06 R_DiasOficial Um Resumo Histórico dos Candidatos Presidenciais Democratas

"O partido dos pobres e oprimidos escolhe pessoas ricas e opressoras para a presidência."

Kamala Devi Harris. 55 anos. É polícia desde 1990 e está em posição de poder político desde 2003.

Eleger uma pessoa que pertence às forças polícias na altura em que as tensões raciais estão no seu pico não foi a melhor decisão do partido democrata. Ao contrário do consenso geral, ao longo dos anos a Kamala Harris veio a revelar ser o estereótipo perfeito de um polícia que abusa do seu poder, o que agrava um pouco a situação. É a mulher que mantinha os prisioneiros por um tempo superior ao das suas sentenças para obter mão-de-obra barata, e que prendia os pais das crianças que faltam as aulas, e ainda se ria na cara deles.
É uma pessoa que sempre defendeu ideias políticas controversas como o aborto até o parto, a pena de morte, baixar a idade de voto para 16 anos, ou a Affirmitive Action (uma política de discriminação racial que permite que pessoas Afro-Americanas possam entrar na universidade com notas inferiores à de pessoas brancas, enquanto que os Asiáticos precisam de ter notas superiores à de pessoas brancas. Ao contrário do que parece à primeira vista, esta medida veio contribuir negativamente na comunidade Afro-Americana).
É, também, uma mulher meia Indiana e meia Jamaicana, porém quando é convincente passa por Afro-Americana. Isto torna-se ainda mais controverso uma vez que certamente que beneficiou da escravatura praticada pelos seus antepassados, como o pai dela tanto se gosta de gabar. (É engraçado o facto de o Snopes classificar isto como "unverified". Bastava irem perguntar ao pai dela que ele não teria problema nenhum em confirmar, mas isso iria contra a narrativa... )

Joseph Robinette Biden. 77 anos. Está numa posição de poder político desde 1969 e possui o apoio eleitoral da China, do Irão e do Bin Laden.

Tal como a Kamala, o seu passado também não é muito animador.
É mais conhecido pela sua War on Drugs que contribuiu para o encarceramento em massa de Afro-Americanos por cometerem pequenas infrações relacionadas com drogas.
Também é muito famoso por, de vez em quando, dizer frases do tipo:
É ainda o homem que, por mais irónico que seja, declarou Donald Trump como o primeiro presidente racista. Olhando para o passado do Biden, não será errado concluir que ele deve considerar os presidentes que possuíam escravos como "não racistas".
O seu historial cognitivo também não é dos melhores. Diz estar com pessoas que nunca esteve, em locais que não existem, a fazer coisas que não fez.
Tem acesso às perguntas antes das entrevistas e inclusive lê as respostas a partir de um teleponto. (Exemplo 1); (Exemplo 2); (Exemplo 3); (Exemplo 4)
Mas quando não tem diz que escolhem a verdade em vez dos factos, seja lá o que isso quer dizer. Confunde a mulher com a irmã. Cria frases sem qualquer sentido. Afirma que sempre foi contra a NAFTA, mas há provas de que votou a favor.. Mete o despacito a tocar no seu iPhone e põem-se a dancar num evento de hispânicos para combater o facto de eles apoiarem, maioritariamente, o Donald Trump. Num momento diz que está constantemente a realizar testes cognitivos, no outro diz que nunca fez um teste desse tipo e pergunta ao entrevistador Afro-Americano se ele é algum drogado viciado em cocaína.
Tem um problema com números: Diz que já morreram 120 milhões de pessoas nos EUA por COVID, dos quais 6000 eram militares (quando o número verdadeiro é 7) e que metade da população norte americana foi morta por armas.
E depois também há o problema que ele tem de cheirar o cabelo, tocar de forma inapropriada e beijar mulheres na boca sem o seu consentimento. Uma dessas mulheres é a sua neta adolescente e as restantes são outras crianças que ele não conhece de lado nenhum.
Possui um caso de violação pendente, e inclusive a candidata a vice presidente, Kamala Harris, afirmou que acredita nas vítimas do Biden.
Por fim, ambos os candidatos democratas apelidaram as manifestações que levaram a mais de 20 mortes, 900 ferimentos e mil milhões de dólares em danos como "protestos pacíficos" e andam a pagar para libertar esses criminosos (inclusive libertaram um pedófilo que penetrou uma criança) .

Este post é apenas um pequeno excerto do passado destas pessoas. Com um pouco mais de investigação, é possível encontrar inúmeros outros fatores.

Obs: Decidi falar sobre a Kamala Harris em primeiro lugar uma vez que se o Donald Trump perder as eleições de 2020, quem irá ser o Presidente vai ser ela, e não o Joe Biden. Ele é o cadáver andante que o partido democrata está desejoso de se ver livre, assim que já não precisarem de o usar.
submitted by R_DiasOficial to portugueses [link] [comments]


2020.08.10 02:38 pizzadepeperoni Fui babaca por não pedir desculpas?

Então turma,eu vou começar contextualizando algumas coisas:
Eu fazia parte de um grupo de 3 amigos que chamaremos de varls, carls e karls e recentemente nos tivemos uma briga bem feia (A maior q já tivemos) já faz quase um mês q não nos falamos,então eu vim aqui pedir a opinião de vocês sobre isso.
Vamos lá,em um certo dia eu e o carls brigamos,ele ficou fazendo umas brincadeiras de mal gosto e ele não sabia a hora de parar,fiquei bem magoada mas o argumento dele de desculpa foi: "eu sei que eu sou uma bosta de pessoa,mas pelo menos eu reconheci meu erro,me desculpa". Até aí tudo bem,mesmo magoada perdoei ele e voltamos a nos falar,acontece que no dia seguinte ELE FEZ A MEMSA COISA. Começou com umas brincadeiras de mal gosto e mesmo eu chorando e pedindo p ele parar ele não parou. E cara no dia anterior ele tinha feito a mesma coisa,eu perdoei ele e tals mas sinceramente??? A única diferença foi que dessa vez ele não pediu desculpas, e agora eu vou transcrever as mesmas palavras que ele me disse:
"sinceramente, eu simplesmente n aguento mais vc saindo como vitima em toda briga nossa e eu q sempre q tnh q ir atrás.Eu cansei,eu realmente gosto muito de vc e vc sabe disso,e abusa disso,me desculpa.E agora vou falar tudo q eu tnh pra falar eu já tive TANTA crise por sua causa q vc n tem ideia,pq vc só aponta os outros e NUNCA se olha,se toca ent se n se toca sozinha eu vou te ajudar a se tocar,VOCÊ sempre dá um jeito de sair como a inocente da história, mesmo q tudo comece por ti,vc tbm n sabe a hora de parar faz drama por coisa puta besta pra arranjar atenção e de novo se vitimizar,se sua vida já perfeita o bastante na vida real, n precisa arranja picuinha pra fuder a dos outros e a gente se conhece a DOIS anos e nesses anos a gente já brigou muito e nem uma das vezes vc pediu UM perdão se quer eu juro,e isso só prova o quão egoísta e arrogante tu é e pode vir falar oq vc quiser pq a karls e o varls estão de provas de tudo q listei aq em cima,agora se tiver algo a falar pode falar eu deixo,mas se vier falar q estou mentindo vc logo estará mentindo tbm".
Pois é depois disso a gente não se falou mais e o varls e a karls realmente não me defenderam nem nada,só começaram a me ignorar,e isso machuca muito pq realmente eles eram as pessoas mais próximas a mim,mas eu me senti muito desconfortável com o jeito q ele falou sobre como a minha vida é "perfeita" e como eu nunca aponto o dedo pra mim,ele realmente não sabe nada pra falar esse tipo de coisa,mas eu não sei oq fazer. Eu deveria pedir desculpas por me vitimizar? Mesmo que ele sempre faça coisas que me machucam? E eu realmente não sei direito como me desculpar tipo "ei,desculpa pelas brincadeiras de mal gosto que você faz e que me machucam,eu vou tentar não me vitimizar mais" entende? Não faz sentido pra mim. E mesmo q eu me desculpasse a nossa amizade simplesmente voltaria? Como se nada tivesse acontecido? Mesmo depois de tudo q ele falou? E falar sobre isso só me deixa com mais medo pois não quero ser julgada como alguém que "chora por atenção". Mas eu estou pedindo ajuda,eu deveria pedir desculpas ou não?
Enfim,é isso,ficou um pouco longo mas espero que possam me ajudar. Um beijo se você quiser.
submitted by pizzadepeperoni to TurmaFeira [link] [comments]


2020.08.07 23:21 Vl4dimirPudim HISTÓRIA DA U.L.I.P Idealizada pelo ME.GERMAN e escrito pelo VLADIMIR PUDIM

Após a expulsão dos texugos de teemo city nos Estados Unidos de Renatinho, eles foram para a ilha deserta sul do arquipélago de Pudinisland, lá eles fundaram um país livre das opressões dos humanos, e se consagraram o principal vencedor da 1° guerra Gnomistica ( só os Texugos acham que só eles ganharam a guerra ).
Após vários anos dessa guerra, a população almentará muito e assume a presidência Pripiat Kosvok, um texugo aparentemente normal, mas ele não era, ele dá um golpe de estado e intala uma ditadura que digamos "não seguem os direitos humanos", o nome do país é alterado para República dos texugos felizes, mas após alguns revoltas oprimidas as pessoas acabam aderindo as ideia do regime.
Havia vários relatos de tortura, perseguição política e miséria no estado dos texugos, isso ocasionou milhões de protesto em toda Pudinisland, a tenção era grande o povo temia e esperava um guerra, mas a UNP ( União das Nações de Pudinisland ) obrigada as potências do arquipélago a não criarem uma 2° guerra Gnomistica. Ela obriga a Rússia 2 a ceder os territórios da ilha comprida do oeste, mas especificamente o sul, que não havia nada além de mata é panda, a Rússia 2 "concorda" com os termos imposto pela UNP e acaba cedendo os territórios com uma população estimada de 4784 russos, boa parte militares na reserva ou aposentados, e milhões de pandas camponeses, plantadores de coxinha, A República dos texugos felizes, descobre uma grande reserva de minérios de vodka e petróleo de dinossauros mortos.
Eles invadem o local e enviam primeiramente prisioneiros de guerra e condenados para trabalhar em condições precárias dentro dessas minas. Porém eles decidiram escravizar a população Nativa também, incluindo os camponeses pandas. Uma dessas pessoas é Cleber Salgado, um ex militar russo que se aposentou devido a um assistente de trabalho ( uma granada explodiu no seu pé, e ele ficou sem pé ), ele foi um dos que foram levados para os campos de trabalho forçado, porém numa noite ele decidiu arriscar sua vida para tentar escapar desse pesadelo, ele conseguiu fugir para a mata, faz uma jangada e partiu até o território russo, lá ele falou com o gonverno e falou o que estava acontecendo com o antigo território.
Após meses de preparo ele consegue se reunir com os camponeses que fugiram é alguns pandas na região fronteiriça entre os russos e a República dos texugos felizes, ele monta um pequeno grupo armado com apoio dos russos. É parte para o campo de trabalho forçado de Vulkiguli, para libertar seus camaradas. A invasão a Vulkiguli falha, o exército de Cleber é totalmente destruído, muito perderam a vida e os que sobreviveram foram levados para prisões de trabalho forçado.
Cleber Salgado reúne mais uma vez um exercício, dessa vez ele Consegue Chamar os Pandas, que nem se quer falavam inglês, foram para guerra milhões de pandas, eles usavam apenas um chapéu de palha e uma ak 47.
A guerra de Miskivolk ( outro campo de trabalho forçado) contou com Cleber Salgado em pessoa, e alguns furrys, A batalha foi um sucesso, a rápida tomada fo forte de Susk Vantork Foi essencial para trasformar-lo numa fortaleza aliada, ganhado o fronte e derrotado o exército dos texugos pelo Atrito. Pouco a Pouco, o exército dos texugos foram recuando, e a meia noite é declarado a Vitória sobre o comando de Cleber Salgado e pelos grandes soldado Pandas que defenderam bravamente com suas vidas.
O forte foi usado como base pelos Exército aliados é, se tornou um grande ponto de refugiados de prisões, lá havia um grande acampamento improvisado que acomodava 150 mil pessoas Cíveis e soldados, Um Hospital militar, Depósitos feitos de madeira, Algumas plantações de coxinha, O forte foi todo murado e colocado guardas 24/7 para defender o forte. Pouco anos após o término da guerra, essa seria o início da cidade de Clepolis. Após a guerra de Miskivolk, houve várias outras guerra e invasões aliadas e inimigas, a maior delas foi a invasão aliada a principal base aérea da região, a Kormingtar 01, Essa foi a primeira grande derrota do exército dos texugos, que possibilitou o exército de Cleber receber suprimentos diretamente da russia 2, por vias aéreas, Também possibilitou a patrulha aérea da região, por conta dos helicópteros e aviões deixados pelos texugos, em sumo foi a principal batalha de toda Guerra pela libertação de U.L.I.P.
Agora Com o exército dos texugos recuando, o sul da ilha Dlinnyy era de Cleber, as vastas cadeias de túneis subterrâneos cheios de Chade ( o mineiro revolucionário super power revolution ), às vastas montanhas de Vodka, As estepes dos unos, Tudo era de Cleber. finalmente havia paz, mas Cleber Salgado Queria mais, Ele invade a ilha de Ostrov Krabov e... Começa a tocar Crab Island do Noisestorm...(NÃO '-')...
[Bom podemos perceber que Cleber Salgado perdeu a linha, o poder subiu a cabeça, então essa informação é importante]
...nada contasse? "AH MEU DEUS OLHA AQUELE MÍSSIL...BOOOOOOOMMMM" todo o exército de Cleber tinha ido por água abaixo, Cerca de 3 milhões de pessoas morreram, 15 milhões de Caran Morreram! ( F ). Sim a República dos texugos felizes tinha lançado um míssil 15x mais forte que a bomba De Nagasaki em um ilha composta apenas por caranguejos e o exército de Cleber. ( inclusive é por causa dessa bomba que a ilha tem esse formato de um "c" de lado). Essa armadilha foi crucial para a Guerra, será que Os Texugos triunfaram dessa vez? Será que o Cleber vai perder? A primeira derrota dos Russos? Resposta: (Tá Parei XD)
Essa armadilha deixa Cleber (mais) louco (do que ele já estava), Ele começa a beber litros de vodka, sua mente foi abalada completamente, Isaías, o seu melhor amigo panda havia morrido na quela emboscada, Penny a única mulher que ele amou na sua vida, havia traído ele com seu irmão Dias antes... Cleber sofreu. Mas isso não era o suficiente para Abalar o grande Cleber Salgado Peixes o Rei das Coxinhas, Com sua Bravura, Sua Mente Blindada de Belo soldado RUSSO e 30 litros de vodka ele não se abalava por nada... Foi então que ele planeja o plano Braba ruiva 2, Que consistia em Invadir a grande ilha Schastlivyy ostrov Barsukov, a ilha principal do estado dos texugos. A operação seria muito Difícil, mas para um louco... quero dizer um Gênio militar como o Cleber, o que é difícil? Ele passa Semanas sem dormir, focado no seu plano.
Até que chega o dia da ação. Começando com um bombardeios Noturnos, na cidade de Belo Texugo Horizonte, e em bases próximas a cidade, Após 2 Horas de constante Bombardeios, os primeiros ParaquedistasSaltam de seus aviões, caindo levemente em pastos verdejantes, juntos com os paraquedistas, Cerca de 300 mil soldados russos, desembarcaram em portos, costas e praias de Belo Texugo Horizonte, Foi um dia glorioso para os soldados aliados e um péssimo dia para os Texugos.
Na manhã do dia seguinte, os bombardeios acalmaram, e o grande exército liderado por claber marchava para o Rio de Texugo, Saqueando Vilas e pequenas cidades e tomando Fortalezas. Ao todo foram 15 dias Marchando. O exército estava motivado como nunca, eles contavam as História mais epicas é assustadoras e cantavam juntos Hinos de seus países, era lindo, aquilo para os soldados era nada além de uma grande aventura, de que sairiam Glorioso e orgulhoso de se mesmo. Mas a tomada do Rio foi mais Complicada do que eles esperavam...
A começar pela retomada dos Bombardeios, que foram eficazes no início, mas por conta das artilharias ante-aéreas, foram obrigados a recuar. Havia muitas resistência, e por conta das ante-aéreas o reforço dos paraquedistas não aconteceu como o esperado, ficando só com o reforço marítimo. Mas após 2 dias de batalha intensa, a presença do exército dos texugos era desprezível. Porém os traficantes de doginho dos morros se juntaram para lutar contra os soldados aliados, os morros de Rio de Texugo eram bem diferentes dos combates em campo aberto ou das ruas das cidades, os inúmeros becos e ruelas confundiam profundamente os soldados, fora o conhecimento geografia intenso dos traficantes locais, que além de serem traficantes eram apoiados pelo exército dos texugos. Essa Guerra foi muito massante para os Aliados que passaram por experiência terríveis até para soldados Russos. Ao longo de 7 dias de guerra, Rio de Texugo finalmente era Posse dos Aliados.
Agora eles partiam para uma jornada de 6 dias para São Texugo Paulo, indo pelo Costa que era repleta de bases da marinha dos texugos, o que dificultou o suporte marítimo dos russos, além de eles estarem completamente sem nem um apoio areio. Mas logo o tempo passa e lá estão o exército de Cleber há 10 quilômetros da capital São Texugo Paulo, que era a mais bem prepada é militarizada de todas as outras cidades, Todo o resto do exército profissional dos texugos estava lá, também toda a marinha e aeronáutica. Alguns bombardeiros e aviões decidiram embarcar nessa última viagem, uma viagem sem volta, ( F pelos pilotos que se sacrificaram pelos aliados ).
Guerreiros.
"A batalha sangrenta, que fez de nossos aliados pó e sangue, que cremaram nossos corpos, mas não nossa dignidade, que Feiram nosso peito com uma bala, mas não feriram nossa esperança, que Bombardiaram nossos batalhões, mas não nossos corações, Que afundaram nosso encouraçados, mas ainda vive em nossos passados, Escondidos em falsos deuses dourados. Jogaram Armas químicas contras nós, diminuindo assim nossos Karmas, Fazendo assim, com nossas inchadas, Trocadas Por lindas Armas, o Trabalho escravo, trocado por um liberdade. Podem matar, mas já mais terminaram o legado sem fim de um Guerreiro Pudim."
"Poema feito por Vladimir Pudim 2 de agosto de 2020"
Nesse trecho do poema "Guerreiros" retrata bem a Vitória sofrida dos Aliados, que para defender sua tirania Pripiat Kosvok usa de táticas desumanas contra nós, como armas químicas, lança Chamas e Torturas. Nessa batalha também teve a naufrágio do RSS Borisland, o grande navio russo da 1° guerra Gnomistica. Mas por fim Pripiat Kosvok foi morto e a paz foi instaurado no Novo Estado Dos Texugos Felizes. De quase 1 milhão de soldados que participaram diretamente da operação barba ruiva 2, apenas saíram vivos Por volta de 150 mil. ( um F a todos )
Foi instaurado um estado livre na República dos texugos felizes, voltando a ser o estado livre dos texugos [obviamente com ligação direta a Rússia 2 pq né?], mas especificamente falando da região de Cleber Salgado, a Rússia 2 toma o controle da região (por conta dos minerios) basicamente transformando a região em um estado fantoche. Vendo isso Cleber Salgado ( que está louco ) temia o estado que ele lotou para conquistar, se tornar novamente algo autoritário, ele vai até o kremlin, durante um pronunciamento oficial do gonverno russo ( que estava sendo transmitido para todos da russia 2 e até de toda Pudinisland ) ele invade o pronunciamento, dá um soco na cara de Gorbachev 2 ( presidente da russia 2 na época) fazendo ele desmaia, Cleber pega o microfone e proclama a União das linhas do imperio Pudinesco, ou U.L.I.P, Cleber Salgado acabou de dar um golpe de estado, pra não ocasionar mais uma guerra, a ONP concordou em deixar a U.L.I.P livre.
Cleber volta para o seu país recém criado, como chefe da nação, Ele é ovacionado pela sua população, todos de todas as cidades celebram sua liberdade. Cleber começa a exportar os minerais o ocasiona uma rápida crescida no Pib, ele começa a investir em infraestrutura e em pesquisa e desenvolvimento, principalmente na pesquisa do minério de Salsichomita, recém encontrado nas cavernas subterrâneas da U.L.I.P, vários pesquisadores do MUNDO todo foram para lá, entre eles os pesquisadores do Acre, que descobriram propriedades ante-gravitacionais na Salsichomita, quando energização, sua capacidade de armazenamento energético é 5000 de vezes mais eficiente do que as baterias comuns, um minério leve e muito especial, foi dos dinossauros que Cleber encontrou o lucro, e os dinossauros a revolução tecnológica que eles tanto queriam, foram vendidos toneladas de Salsichomita para o Acre, enriquecendo muito o estado de Cleber.
Após a chegada de Vladimir Pudim ao gonverno Russo, as relações da U.L.I.P com o Arquipélago de Pudinisland melhorou muito, principalmente com a Rússia 2, pois Vladimir Pudim foi ex-parceiro de combate de Cleber Salgado Peixes, antes do acidente da granada, A U.L.I.P cresceu e se tornou um país multe cultural, com Humanos russos, Caranguejos, Furrys e texugos que desertaram do estado dos texugos e Muitos pandas gordos.
O país atualmente
Nome oficial: União das linhas do imperio Pudinesco População: 2.457.998 habitantes Maioria ética: PANDA Pib per capita: 10.930 dólares Moeda oficial: Rubulo da U.L.I.P Religião oficial: Budismo dos Bandas Capital: Clepolis Presente: Cleber Salgado Peixes Gastos Militares: 2 Bilhões de dólares N° de ogivas nucleares: 0 Estado Atual: Em paz Favorável à uma unificação: não
submitted by Vl4dimirPudim to PuddingsUtopia [link] [comments]


2020.08.06 04:54 alltheholycrap Sem saida

Mais ou menos por essa época do ano há 3 anos atras foi a primeira vez que percebi que eu estava depressivo e até hoje não consegui achar uma direção para melhorar.
A historia é grande e isso é mais um desabafo do que qualquer outra coisa, então agradeço para aqueles que tiverem tempo e vontade de ler.
Tenho 32 anos, homem, casado e pai de um menino maravilhoso de 2 anos. Eu e minha esposa nos mudamos para o Canada a quase 8 anos atras e lutamos muito nos primeiros anos e tivemos uma vida bem puxada e bem ferrados de grana, com dois empregos e fora de casa das 9am as 2am praticamente todos os dias.
Minha esposa, principalmente sofreu muito no começo, pensando varias vezes de abandonar os planos e voltar para o Brasil mas fomos persistentes e conseguimos superar essa fase. Hoje somos residentes permanentes, temos carreiras razoáveis e uma vida confortável, embora ainda tenhamos problemas com grana, mas pelo menos trabalhamos as 8 horas por dia e não passamos fome.
Meus problemas começaram a mais ou menos 4 anos, não sei exatamente como começou mas a vida começou a perder a graça. Fiz algumas coisas para tentar reconquistar o gostinho de viver, mudei de carreira, fui para programação que é uma area que sempre me agradou muito e sempre fui confiante no que eu fazia, na minha inteligencia e me sentia preparado para encarar qualquer desafio mesmo com pouca experiencia.
Consegui meu primeiro emprego, fiquei muito empolgado e me dediquei bastante nos primeiros 6 meses e aprendi muitas coisas mas alguma coisa sempre estava faltando.
Enquanto estava nesse primeiro emprego minha esposa engravidou, já estávamos tentando a alguns meses, e foi uma época muito boa que ela estava com um humor maravilhoso e mesmo com as mudanças de rotina com o bebe em casa foi uma fase agradável, mas algo sempre tava errado. Eu não percebia na época mas meus amigos se afastaram, não só porque eu parei de procurar todo mundo com um bebe pequeno para cuidar mas também porque eu estava azedo, sendo grosso, pegando no pé dos meus amigos por coisas bobas, brigando por besteiras e fazendo comentários maudozos .
Quando o bebe já estava um pouco maior, voltei a procurar mais meus amigos, os que eu ainda tinha contato mas eu sinto que eu não sou mais o mesmo. Perdi o meu espirito divertido, nunca tenho vontade de falar com ninguém e não consigo mais me dedicar as amizades.
Fora isso, depois que passou a empolgação inicial da nova area, eu perdi a vontade de estudar, fazia o mínimo possível no trabalho por que não tinha mais vontade de fazer nada. Tenho um projeto paralelo que sinto que daqui a pouco meu socio vai pedir pra eu sair, porque mesmo eu amando a ideia do projeto me falta vontade de me dedicar.
Nos outros aspectos da vida eu não tenho vontade de comer, não consigo me concentrar em nada por mais de alguns minutos, não consigo fazer exercícios físicos, não consigo me abrir com as pessoas, parece que minha vida esta passando e eu não estou vendo, nunca lembro de nada, me sinto sozinho e nem mesmo minha esposa e familia fazem ideia o que se passa na minha cabeça. Não consigo mais contar quantas vezes por dia me passa na cabeça que sou um merda e todas as noites eu vou dormir pensando em como seria melhor eu me matar e acabar com isso logo, acho que se não fosse pelo meu filho que precisa de mim, já teria feito isso.
Já procurei ajuda de 3 psicólogos, nenhum me ajudou, sentia que eu falava mais o que eles queriam ouvir do que o que eu deveria estar falando e sai da consulta me sentindo pior do que como entrava. Tentei conversar com meu médico de familia aqui (não posso ir direto para um psiquiatra), ele me disse pra fazer exercícios de mindfulness e ter paciência que as coisas melhoram, , e eu sem a minima vontade de discutir acabei aceitando.
Ainda assim tentei colocar rotinas, fazer exercícios e tratar minha mente, nada nunca passou de poucos dias de vontade e caia no esquecimento, isso foi a mais de um ano atrás e nunca mais tive coragem de voltar pra dizer que não ajudou em nada, sei que ele vai achar que é besteira, vai falar alguma coisa pra eu me sentir ainda pior por ser tao fácil e eu não conseguir, e vou me arrepender de ter ido lá me ‘humilhar’.
Meu casamento não ajuda em nada, as vezes tenho duvidas se a minha esposa esta na mesma situação que eu ou se ela simplesmente parou de se importar comigo. É muitas vezes um relacionamento abusivo por parte dela, e eu por faltar coragem de encarar e brigar, fico calado, aceito a situação e acho que isso deixa a situação cada vez pior, eu fico puto, chateado e penso que nunca mais vou aceitar nada, no outro dia ela é querida e amável e eu penso que não vale brigar e assim as coisas estão indo a anos. Ela tem um temperamento difícil, não deixa nenhuma reclamação passar em vão e não perde a chance de apontar pra mim quando eu faço qualquer coisa errada e me jogar na minha cara que estou errado.
Sempre achei ela uma boa mãe e me deixava feliz ver como ela lidava com o nosso filho.
Assim que o COVID chegou por aqui ficamos de quarentena em casa, ela trabalha em uma escola que foi uma das primeiras coisas que fechou por aqui e eu trabalhava de casa, fui demitido junto com quase todo meu time assim que a empresa viu que o comercio iria fechar.
No começo encaramos como umas ‘ferias’ com a familia toda em casa e foi divertido, mas logo passou e a rotina se tornou muito difícil. Ela mal cuidava do nosso filho, estava sempre cansada e/ou com algum problema (dor de cabeça, dor nas costas, dor de barriga, chateada com alguma coisa, etc), o que me deixou muito sobre carregado cuidando do nosso filho praticamente sozinho, cuidando da casa, procurando emprego e tentando tocar meu projeto paralelo, meses se passaram assim e eu estava a beira de fazer alguma coisa mais radical.
A escola voltou a funcionar por aqui e nas ultimas 3 semanas eu tenho conseguido me ‘dedicar’ a procurar um novo emprego e tocar meu projeto, mas sinto que nunca estive tanto no buraco como estou agora.
Não consigo tocar nada do projeto, não consigo estudar por mais de alguns minutos por dia para as vagas que estou aplicando, não consigo mais conversar com a minha esposa, comecei a jogar como doido nos primeiros dias e agora nem isso tem graça. Simplesmente não sei o que fazer, to me sentindo mais sozinho, inútil, incompetente e sem futuro do que nunca.

Obrigado quem teve paciência pra ler isso tudo
submitted by alltheholycrap to desabafos [link] [comments]


2020.08.05 02:05 EmiDeMiiah Estou errada em ter ficado com o meu "primo"??

Bom dia, boa tarde, boa noite e boa madrugada queridos leitores. Irei contar como briguei com a minha prima por causa do meu "primo".
Obs: Eu sou adotada
Início da história. A quase dois meses um parente meu faleceu e a minha família não era muito próxima a ele, por motivos do passado, a família dele e a minha eram brigados. Só que com a morte desse parente a gente se voltou a reunir, eles comeram a frequentar nossa casa e a ir em festas com a gente. Entre eles, eu tenho um "primo" que vou chamar de Carl (Nome fictício). Ele é quase 1 ano mais velho que eu, fora ele tenho mais dois primos e minha prima Tati (Fictício) A quase 1 mês ele tem vindo todo fim de semana pra casa passa o tempo. Jogamos vídeo game, ficamos na piscina, jogos de tabuleiro ou só jogando conversa fora. No dia do meu aniversário de 18, fui para o aniversário de uma prima numa chácara, nesse dia, minha prima Tati não pode ir, somente eu e meus primos, eu passei a maior parte na piscina com Carl. Então a gente se aproximou bastante e nesse dia ele tá muito "carinhoso" comigo (Se é que me entende), mas não fizemos nada. Durante a semana, eu passei a trocar figurinhas com ele, na bagunça mesmo. No fim de semana, sábado, era a festa do meu aniversário e ele tava bagunçando direto comigo, eu sempre fui muito liberal pra brincadeiras e zueras devido ter crescidos com meus primo. Já no fim da festa, decidimos ir jogar vídeo game e ele deitou do meu lado num tapete e começou a me morder, até que ele teve que ir ao banheiro e a minha prima Tati sentou no lugar dele. Ele veio e pediu pra ela sair, mas ela não quis e ficamos rindo, então ele deitou do outro lado e voltou a me morder.
Eu e a minha prima decidimos ir embora do quarto, aí ela começou a falar sobre ele, como ele era legal, engraçado e divertido (Minha prima é a mais velha de nós, 22 anos) e ela me perguntou rindo se eu ficaria com ele, esse foi o meu primeiro erro, eu achei que ele tava brincando então eu disse que não com cara de nojo. Quando foi no domingo, teve piscina em casa e foi todos os primo e lá ele começou a me abraça, morder, a tocar nas minhas pernas, sendo sempre muito cuidadoso pra ninguém ver. Eu não vou ser hipócrita e dizer que não estava gostando, eu não considerava ele como primo por ser uma pessoa que eu via uma vez na vida é outra na morte. Descidimos ver filme no quarto da minha prima Tati depois do jantar. Era 4 numa cama de casal (Eu, Carl, Tati e meu primo) e ele quis deitar do meu lado. Botamos um lençol e começamos a ver o filme, ele começou a me fazer carinho e num momento eu sai do quarto e ele veio atrás. Trocamos alguns beijos e amassos e voltamos. Quando foi pra ver o segundo filme, eu quis trocar de lugar e ele teve que deitar do lado da Tati, mas depois ele trocou e deitou do meu lado. Eu percebi que a Tati não gostou disso. Toda vez que eu saia do quarto e ele também, ela vinha junto.
Quando terminou, ela veio e começou a falar do dia, do cinema e depois falou: nossa, parecia que vocês estavam se pegando. Eu gelei e disse que não Eu já deveria ter contado pra ela. Mas decidi não, por que eu não sabia se o Carl se sentirá bem em eu compartilhar aquele acontecimento. Eu fiquei esperando ela entra no quarto dela pra poder ir falar com ele, mas parecia que ela tava suspeitando de algo e ficou enrolando até eu entrar pro meu quarto. Passou uma semana. Onde a bomba estourou. Ele chegou na sexta e durante a semana, nós estávamos marcando um cinema no quarto da minha tia pro domingo Contando, éramos 9 pessoas (tudo primo) Na sexta, ficou o Carl, eu e o meu outro primo jogando vídeo game até tarde, no sábado, a Tati reclamou que não chamamos ela é que ela era sempre excluída de tudo, eu disse que não é que era pra ela ter ido jogar com a gente.
No sábado Ela passou a maior parte do dia com ele e de noite, fomos fazer os preparativos pro dia do cinema. Eles dois ficaram fazendo brigadeiro e eu e meu primo pequeno ficamos no meu quarto, quando o Carl apareceu no meu quarto e ficou lá com a gente. A Tati veio e não tava com uma cara muito bonita, eu comecei a ligar os pontos, e se ela também queria ficar com ele. Pq toda vez que eu ficava a sós com ele, ela aparecia, e toda vez que eu ia falar com ele ou brinca com ele, ela ficava de cara feia. Pq se fosse isso, eu teria que contar a verdade pra ela. Tava tudo certo pro cinema. Mas meu dia começou dando errado, eu discuti com a minha mãe por causa das minhas primas menores, já que eu sou muito apegadas a elas e eu queria elas no meu quarto, mas minha mãe não deixou. Depois disso eu comecei a ter crises emocionais, não sou de me abalar fácil pelas coisas, mas quando o assunto é minha mãe, o negócio é outro nível, fora que eu já tava com uma imagem de uma pessoa egoísta em casa por algo que nem fiz. Como fazia muito tempo que eu não tinha uma crise, foi bem difícil controlar essa, eu tava deprimida e não quis entrar na piscina, mas com as minhas primas insistindo, eu decidi entrar. É eu vi que a Tati ficou mais distante dele desde que eu entrei. Nós fomos ver os filmes. Eu deitei num tapete junto dos meus dois primos, a Tati sentou no sofá com o Carl e os meus outros primos ficaram na cama. Assistimos 3 filmes e nesse processo eu fiquei tento crises, mas não queria incomodar, então não contei ninguém. O Carl as vezes mandava mensagem Depois tivemos que arrumar tudo, e eu não queria falar com ninguém (pode ser errado, mas quando não me sinto bem, prefiro me isolar) e a Tati veio ver o que eu tinha. Pedi pra ela me deixa pq eu não tava bem, mas ela ficou insistindo mesmo sabendo que eu odeio que me botam pressão. Dizendo que eu nunca aceitava ajuda, sendo um particular meu, eu só precisava de um tempo. Depois que me acalmar, eu fui questionar ela sobre o Carl já que ela não parava de falar dele. Perguntei se ela gostava dele ou queria ficar com ele, ela concordou rindo. Então eu abri o jogo e disse que eu já havia ficado com ele, nunca pensei que fosse ver ela daquele jeito. Ela disse que ficou com o orgulho ferido pq ele havia me escolhido e não escolhido ela, sendo que entre eles existe laços de sangue. Disse umas coisas com cara de choro, não irei cita pq são pessoais, mas pra resumir. Disse que eu havia traído a confiança dela por ter ficado com ele, sendo que quando eu fiquei com ele, eu nem sabia e só fui desconfiar depois e disse que sentia inveja pq parecia que ele havia me escolhido em vez dela. Pra não piorar a situação, menti dizendo que apenas nos beijamos, mas mesmo assim ela repetia as mesmas coisas várias vezes e eu não sabia o que falar. Ela disse que ele me tratava com mais carinho em vez dela, sendo que ele é carinhoso com todo mundo.
Ficou nessa conversa por dois dias, sempre que eu estava sozinha com ela, ela vinha falar sobre o assunto. Isso estava me deixando tão estressada e irritada, pq ela tava fazendo uma tempestade num copo de água. (OBS: enquanto isso acontecia, eu ainda tava "ficando" com ele, pq eu gostei e ele me deu carta verde. Disse que se eu me sentir desconfortável era só dizer que ele parava) Pra fazer ela para, disse que iríamos ver como ele trataria cada uma de nós no próximo fim de semana. Quando eu perguntei qual resultado ela queria, ela me disse que queria que ele a escolhesse, depois perguntei se ela iria pega ele mesmo sabendo que eu já havia ficado com ele. Ela primeiro disse que não pq iria se sentir sendo usada, depois disse que sim por causa de orgulho, que achou que ele tava gostando dela pq ele a tratava bem. SENDO QUE ELE TRATA TODO MUNDO BEM. Eu falei que se fosse eu, iria conversar com ele. Eu fiz isso pra tirar ela do meu quarto por tá quase tendo outra crise. No dia seguinte, acordei decidida a acabar com essa palhaçada, eu estava chateada, cansada e frustrada, ainda mais por tá metida numa situação tão patética como essa, então mandei mensagem pra ele avisando que deveríamos parar (até a poeira abaixar) e ele me questionou e eu contei o motivo, ela duvidou de mim, dizendo que conhecia minha prima, porém, ele aceitou. Depois chamei ela é disse que não queria mais saber daquele assunto. Que não iria me estressa por pouca coisa. Ainda por um situação patética daquelas. Que não iria levar culpa de nada, pq eu não tinha, que ela podia fazer o que quisesse Eu fui curta e grossa. Pq ela jogou todos os problemas dela em cima de mim e eu não achei justo, ela falou que só queria que eu entendesse mais ela, que eu tinha todos os cara que queria e que eu sempre tive toda a atenção. E o ponto que me deixou mais chateada, foi ouvir ela dizer que queria que eu me sentisse mal por ter "traído" ela.
Não falamos mais nisso, até o dia dele ir lá pra casa. Eu faço curso aos sábado de manhã e quando cheguei em casa, ela me falou que tinha ficado com ele Eu perguntei: Tá feliz? Ela disse que não, pq ele havia dispensado ela, sendo que ela disse que só queria pra curar o orgulho dela. Que queria ter dispensado ele primeiro e que não sabia como encarar ele agora. Ela me disse que havia beijado ele primeiro e outras coisas. No domingo a noite, eu questionei ele, do pq ele não quis mais ficar com ela, segundo ele, a Tati o beijou e ele é não quis mais por ter se arrependido de ter deixando ela beijar ele é por não sentir atração por ela. É desde que já foi embora, minha prima fica me pedido pra fazer promessas de não ficar mais com ele.
É agora, ele quer ficar comigo e eu quero ficar com ele, porém eu penso na minha prima. Não sei como ela reagiria a isso.
submitted by EmiDeMiiah to desabafos [link] [comments]


2020.08.05 01:13 EmiDeMiiah SOU BABACA POR NÃO ME SENTIR MAL DE TER FICADO COM O MEU "PRIMO"??

Olá! Luba, gatas, editores, papelões, possíveis convidados e turma que está a ler. Irei contar uma história recente que me aconteceu e possivelmente será longa.
(PS: Revisei o texto somente uma vez, então me desculpa qualquer erro)
OBS: Eu sou adotada.
Início da história, a quase dois meses um parente meu faleceu e a minha família não era muito próxima a ele, por motivos do passado, a família dele e a minha eram brigados. Só que com a morte desse parente a gente voltou a se reunir, eles comeram a frequentar nossa casa e a ir em festas com a gente. Entre eles, eu tenho um "primo" que vou chamar de Carl (Nome fictício, adoro). Ele é quase 1 ano mais velho que eu, fora ele tenho mais dois primos e minha prima Tati (Fictício). A quase 1 mês ele tem vindo todo fim de semana pra casa passa o tempo. Jogamos vídeo game, ficamos na piscina, jogos de tabuleiro ou só jogando conversa fora. No dia do meu aniversário de 18, fui para o aniversário de uma prima numa chácara, nesse dia, minha prima Tati não pode ir, somente eu e meus primos, eu passei a maior parte na piscina com Carl. Então a gente se aproximou bastante e nesse dia ele tá muito "carinhoso" comigo (Se é que me entende), mas não fizemos nada. Durante a semana, eu passei a trocar figurinhas com ele, na bagunça mesmo. No fim de semana, sábado, era a festa do meu aniversário e ele tava bagunçando direto comigo, eu sempre fui muito liberal pra brincadeiras e zueras devido ter crescidos com meus primo. Já no fim da festa, decidimos ir jogar vídeo game e ele deitou do meu lado num tapete e começou a me morder, até que ele teve que ir ao banheiro e a minha prima Tati sentou no lugar dele. Ele veio e pediu pra ela sair, mas ela não quis e ficamos rindo, então ele deitou do outro lado e voltou a me morder.
Eu e a minha prima decidimos ir embora do quarto, aí ela começou a falar sobre ele, como ele era legal, engraçado e divertido (Minha prima é a mais velha de nós, 22 anos) e ela me perguntou rindo se eu ficaria com ele, esse foi o meu primeiro erro, eu achei que ele tava brincando então eu disse que não com cara de nojo. Quando foi no domingo, teve piscina em casa e foi todos os primo e lá ele começou a me abraça, morder, a tocar nas minhas pernas, sendo sempre muito cuidadoso pra ninguém ver. Eu não vou ser hipócrita e dizer que não estava gostando, eu não considerava ele como primo por ser uma pessoa que eu via uma vez na vida é outra na morte. Descidimos ver filme no quarto da minha prima Tati depois do jantar. Era 4 numa cama de casal (Eu, Carl, Tati e meu primo) e ele quis deitar do meu lado. Botamos um lençol e começamos a ver o filme, ele começou a me fazer carinho e num momento eu sai do quarto e ele veio atrás. Trocamos alguns beijos e amassos e voltamos. Quando foi pra ver o segundo filme, eu quis trocar de lugar e ele teve que deitar do lado da Tati, mas depois ele trocou e deitou do meu lado. Eu percebi que a Tati não gostou disso. Toda vez que eu saia do quarto e ele também, ela vinha junto.
Quando terminou, ela veio e começou a falar do dia, do cinema e depois falou: nossa, parecia que vocês estavam se pegando. Eu gelei e disse que não Eu já deveria ter contado pra ela. Mas decidi não, por que eu não sabia se o Carl se sentirá bem em eu compartilhar aquele acontecimento. Eu fiquei esperando ela entra no quarto dela pra poder ir falar com ele, mas parecia que ela tava suspeitando de algo e ficou enrolando até eu entrar pro meu quarto. Passou uma semana. Onde a bomba estourou. Ele chegou na sexta e durante a semana, nós estávamos marcando um cinema no quarto da minha tia pro domingo Contando, éramos 9 pessoas (tudo primo) Na sexta, ficou o Carl, eu e o meu outro primo jogando vídeo game até tarde, no sábado, a Tati reclamou que não chamamos ela é que ela era sempre excluída de tudo, eu disse que não é que era pra ela ter ido jogar com a gente.
No sábado Ela passou a maior parte do dia com ele e de noite, fomos fazer os preparativos pro dia do cinema. Eles dois ficaram fazendo brigadeiro e eu e meu primo pequeno ficamos no meu quarto, quando o Carl apareceu no meu quarto e ficou lá com a gente. A Tati veio e não tava com uma cara muito bonita, eu comecei a ligar os pontos, e se ela também queria ficar com ele. Pq toda vez que eu ficava a sós com ele, ela aparecia, e toda vez que eu ia falar com ele ou brinca com ele, ela ficava de cara feia. Pq se fosse isso, eu teria que contar a verdade pra ela. Tava tudo certo pro cinema. Mas meu dia começou dando errado, eu discuti com a minha mãe por causa das minhas primas menores, já que eu sou muito apegadas a elas e eu queria elas no meu quarto, mas minha mãe não deixou. Depois disso eu comecei a ter crises emocionais, não sou de me abalar fácil pelas coisas, mas quando o assunto é minha mãe, o negócio é outro nível, fora que eu já tava com uma imagem de uma pessoa egoísta em casa por algo que nem fiz. Como fazia muito tempo que eu não tinha uma crise, foi bem difícil controlar essa, eu tava deprimida e não quis entrar na piscina, mas com as minhas primas insistindo, eu decidi entrar. É eu vi que a Tati ficou mais distante dele desde que eu entrei. Nós fomos ver os filmes. Eu deitei num tapete junto dos meus dois primos, a Tati sentou no sofá com o Carl e os meus outros primos ficaram na cama. Assistimos 3 filmes e nesse processo eu fiquei tento crises, mas não queria incomodar, então não contei ninguém. O Carl as vezes mandava mensagem Depois tivemos que arrumar tudo, e eu não queria falar com ninguém (pode ser errado, mas quando não me sinto bem, prefiro me isolar) e a Tati veio ver o que eu tinha. Pedi pra ela me deixa pq eu não tava bem, mas ela ficou insistindo mesmo sabendo que eu odeio que me botam pressão. Dizendo que eu nunca aceitava ajuda, sendo um particular meu, eu só precisava de um tempo. Depois que me acalmar, eu fui questionar ela sobre o Carl já que ela não parava de falar dele. Perguntei se ela gostava dele ou queria ficar com ele, ela concordou rindo. Então eu abri o jogo e disse que eu já havia ficado com ele, nunca pensei que fosse ver ela daquele jeito. Ela disse que ficou com o orgulho ferido pq ele havia me escolhido e não escolhido ela, sendo que entre eles existe laços de sangue. Disse umas coisas com cara de choro, não irei cita pq são pessoais, mas pra resumir. Disse que eu havia traído a confiança dela por ter ficado com ele, sendo que quando eu fiquei com ele, eu nem sabia e só fui desconfiar depois e disse que sentia inveja pq parecia que ele havia me escolhido em vez dela. Pra não piorar a situação, menti dizendo que apenas nos beijamos, mas mesmo assim ela repetia as mesmas coisas várias vezes e eu não sabia o que falar. Ela disse que ele me tratava com mais carinho em vez dela, sendo que ele é carinhoso com todo mundo.
Ficou nessa conversa por dois dias, sempre que eu estava sozinha com ela, ela vinha falar sobre o assunto. Isso estava me deixando tão estressada e irritada, pq ela tava fazendo uma tempestade num copo de água. (OBS: enquanto isso acontecia, eu ainda tava "ficando" com ele, pq eu gostei e ele me deu carta verde. Disse que se eu me sentir desconfortável era só dizer que ele parava) Pra fazer ela para, disse que iríamos ver como ele trataria cada uma de nós no próximo fim de semana. Quando eu perguntei qual resultado ela queria, ela me disse que queria que ele a escolhesse, depois perguntei se ela iria pega ele mesmo sabendo que eu já havia ficado com ele. Ela primeiro disse que não pq iria se sentir sendo usada, depois disse que sim por causa de orgulho, que achou que ele tava gostando dela pq ele a tratava bem. SENDO QUE ELE TRATA TODO MUNDO BEM. Eu falei que se fosse eu, iria conversar com ele. Eu fiz isso pra tirar ela do meu quarto por tá quase tendo outra crise. No dia seguinte, acordei decidida a acabar com essa palhaçada, eu estava chateada, cansada e frustrada, ainda mais por tá metida numa situação tão patética como essa, então mandei mensagem pra ele avisando que deveríamos parar (até a poeira abaixar) e ele me questionou e eu contei o motivo, ela duvidou de mim, dizendo que conhecia minha prima, porém, ele aceitou. Depois chamei ela é disse que não queria mais saber daquele assunto. Que não iria me estressa por pouca coisa. Ainda por um situação patética daquelas. Que não iria levar culpa de nada, pq eu não tinha, que ela podia fazer o que quisesse Eu fui curta e grossa. Pq ela jogou todos os problemas dela em cima de mim e eu não achei justo, ela falou que só queria que eu entendesse mais ela, que eu tinha todos os cara que queria e que eu sempre tive toda a atenção. E o ponto que me deixou mais chateada, foi ouvir ela dizer que queria que eu me sentisse mal por ter "traído" ela.
Não falamos mais nisso, até o dia dele ir lá pra casa. Eu faço curso aos sábado de manhã e quando cheguei em casa, ela me falou que tinha ficado com ele Eu perguntei: Tá feliz? Ela disse que não, pq ele havia dispensado ela, sendo que ela disse que só queria pra curar o orgulho dela. Que queria ter dispensado ele primeiro e que não sabia como encarar ele agora. Ela me disse que havia beijado ele primeiro e outras coisas. No domingo a noite, eu questionei ele, do pq ele não quis mais ficar com ela, segundo ele, a Tati o beijou e ele é não quis mais por ter se arrependido de ter deixando ela beijar ele é por não sentir atração por ela. É desde que já foi embora, minha prima fica me pedido pra fazer promessas de não ficar mais com ele.
É agora, ele quer ficar comigo e eu quero ficar com ele, porém eu penso na minha prima. Não sei como ela reagiria a isso.
submitted by EmiDeMiiah to TurmaFeira [link] [comments]


Intro de 'cara la muerte'en la guitarra Cara A La Muerte TUTORIAL como tocar CARA AL SOL en GUITARRA - YouTube Tutorial Cara de gitana Coronavirus: ¿Por qué es tan difícil no tocarse la cara? COMO TOCAR CARA A LA MUERTE - INTRO Como tocar 'Dolannes Melody' Flauta Pan - YouTube Letra y chords de mirala face to face SEVILLANAS basic rhythm CLASS Reik - Con la cara en alto (piano) Como Tocar - Girls Like You (Maroon 5) Tutorial Guitarra ...

IMPORTANTE - centralcontato.com

  1. Intro de 'cara la muerte'en la guitarra
  2. Cara A La Muerte
  3. TUTORIAL como tocar CARA AL SOL en GUITARRA - YouTube
  4. Tutorial Cara de gitana
  5. Coronavirus: ¿Por qué es tan difícil no tocarse la cara?
  6. COMO TOCAR CARA A LA MUERTE - INTRO
  7. Como tocar 'Dolannes Melody' Flauta Pan - YouTube
  8. Letra y chords de mirala face to face SEVILLANAS basic rhythm CLASS
  9. Reik - Con la cara en alto (piano)
  10. Como Tocar - Girls Like You (Maroon 5) Tutorial Guitarra ...

Aki les dejo este video ai si les gusta piden el tutorial. En Uno TV realizamos un experimento que demuestra lo difícil que es dejar de tocarse la cara, checa los detalles. ¡Síguenos en nuestras REDES SOCIALES! Twit... Cara a la muerte interpretada por saul govea - Duration: ... Onan Rivadeneyra 13,959 views. 2:53. Como tocar 'Mañana Voy A Conquistarla' GERARDO ORTIZ (TUTORIAL DE GUITARRA) @AldoGarcia ... Hoy aprenderemos la nueva canción de Maroon 5 girsl like you, si te gusta y resulta útil el tutorial recuerda suscribirte al canal Cómo tocar sevillanas aprende fácil en La menor [Cara a cara] - Duration: 13:26. Redes Música 43,058 views. 13:26. COMO TOCAR UNA LÁGRIMA CAYÓ EN LA ARENA, DE PERET - Duration: 13:47. We’ll stop supporting this browser soon. For the best experience please update your browser. Uma das técnicas recomendadas para acelerar a aprendizagem deste lindo instrumento; é o espelho. C - do D - re E - mi F# - fá# G - sol A - la B - si =====... Buenas, os traigo hoy un tutorial de suma importancia y de gran valor cultural, como tocar el cara al sol en guitarra. Para mas caras al soles like, sub y co... Reik - Con la cara en alto (piano) Facebook: https://www.facebook.com/David-Rivas-405709629580622/ Como tocar cara de Gitana. Our new desktop experience was built to be your music destination. Listen to official albums & more.